Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 16 de novembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Hospital de Dourados quer R$ 21 mi para atender pelo SUS

4 Jul 2007 - 07h00
O Hospital Evangélico de Dourados, que no dia 28 de junho conseguiu na Justiça o direito de suspender o atendimento pelo SUS (Sistema Único de Saúde) em 120 dias caso não receba mais recursos públicos, cobra R$ 21 milhões por ano para manter os procedimentos. Em 2006, o hospital recebeu R$ 15 milhões. Segundo o secretário municipal de Saúde, João Paulo Esteves, para 2007 a proposta é de R$ 17,5 milhões, mas o valor ainda é considerado insuficiente pelo hospital.

Em entrevista à rádio Grande FM na manhã desta terça-feira, João Paulo Esteves informou que o hospital rejeitou a nova proposta feita pelo governo do Estado, pela prefeitura e pelo Ministério da Saúde. Além do maior aporte financeiro, a proposta incluía a redução de 150 internações por mês no HE e transferência desses pacientes para o HU (Hospital Universitário). Esteves afirmou que as negociações continuam.
 
 
 
Perfil News

Deixe seu Comentário

Leia Também

ENCONTRO DE GOVERNADORES
Em encontro de governadores com Bolsonaro, Reinaldo defende fronteira e reajuste da tabela SUS
VIOLENCIA DOMESTICA
Homem é esfaqueado por esposa que tem ciumes até da sombra
ENTROU ATIRANDO
VÍDEO: Pastor é baleado no altar durante o culto
TRAGEDIA
Ex-prefeito é morto pelo pai após ser confundido com assaltante
ACIDENTE DE TRANSITO
Caminhão passa por cima de veículos e explode em grave acidente
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Marilda (Letícia Spiller) é flagrada nua e finge ser uma assombração
BNDS
“Se não abrir a caixa preta do BNDES, está fora!”, diz Bolsonaro sobre Levy
FAMOSIDADES
Susana Vieira está com leucemia, mas a doença está controlado, diz assessoria
NOVELA GLOBAL
Marina Ruy Barbosa é a heroína de 'O sétimo guardião': 'Luz foge do tradicional'
CONSTRANGIMENTO
Claudia Leitte quebra silêncio e desabafa sobre polêmica com Silvio Santos