Menu
PASSARELA
quinta, 19 de julho de 2018
SADER_FULL
Busca
DR. SHAPE
Brasil

Homologada licitação para construção de escola no Pantanal

16 Ago 2004 - 10h07
O Governo do Estado, através da Agência de Gestão de Empreendimentos (Agesul), vinculada à Secretaria de Infra-Estrutura e Habitação, e da Secretaria de Estado de Educação (SED), começa a construir na sexta-feira, dia 20, a escola que vai atender a comunidade que vive na região do rio Paraguai Mirim (afluente do rio Paraguai), no município de Corumbá. O processo licitatório foi homologado nesta segunda-feira pelo secretário de Infra-Estrutura e Habitação, Paulo Duarte.

Serão destinados R$ 213 mil do Fundo de Investimento Social (FIS) na obra que, conforme projeto elaborado pela SED, terá duas salas de aula, alojamento com 28 vagas para alunos e outro para professores, refeitório, cozinha e sanitários. A escola Paraguai Mirim será construída em uma área da fazenda Ilha Verde, em local elevado, para não ser atingida pela cheia do Pantanal, e de fácil acesso aos estudantes e professores, pelo rio e por terra.

“Assim como aconteceu com a comunidade guató, que é bem mais distante (10 horas de barco de Corumbá), na ilha Ínsua, nós também vamos garantir educação e inclusão social a essas comunidades do Paraguai Mirim”, garantiu o secretário de Estado de Educação, Hélio de Lima.

Expedições realizadas em junho por equipes do governo cadastraram 78 famílias de catadores de iscas e pescadores vivendo na região, a 224 quilômetros de Corumbá. A gestora de processos da SED, Ivone Nemer de Arruda, que participou da missão, constatou que 85% dos ribeirinhos não são alfabetizados.

A nova unidade será construída em quatro meses e vai beneficiar cerca de 60 alunos em regime de alternância: 15 dias de aula e outros 15 de folga. Os professores, gestores e funcionários que vão atuar na escola serão contratados pela SED, que contará com apoio do Instituto Parque do Pantanal (IPP).

A construção só começa agora porque diversas dificuldades foram encontradas. A principal delas foi dispor de uma área elevada e de acesso facilitado à comunidade. O local ideal foi escolhido após viagens de levantamentos feitas pelo coordenador da Rede Física da SED, Horácio de Almeida Liberato.

Barreiras como a cheia do Pantanal e a distância do local até Corumbá, que dificultam a logística de transporte de materiais e pessoal, também contribuíram para adiamento do início da obra.
 
APN

Deixe seu Comentário

Leia Também

TURISMO PELO BRASIL E MUNDO
Indústria de Hotéis aguarda aprovação dos jogos para captar bilhões em produtos turísticos
AGORA EM DOURADOS - MS
UNIPAR EAD com cursos de Educação Física, Letras, Marketing e mais 22 cursos, Confira todos aqui
TRAGEDIA
Acidente chocante em Foz: casal morre na hora em batida
NOVELA GLOBAL
Aliada de Laureta, Rosa se vinga do pai e o humilha no restaurante em ‘Segundo sol’
GRANA
Governo antecipa primeira parcela do 13º de aposentados e pensionistas
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Severo é preso e humilha Roberval
FUTEBOL PELO MUNDO
Real Madrid se recusa a permitir que Vinícius Júnior permaneça no Flamengo até o final de 2018
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Luzia descobre que seu filho com Beto não morreu
CONCURSOS - OPORTUNIDADES
Concurso: 13 órgãos abrem as inscrições para 1,9 mil vagas nesta segunda
FOI SALVAR O MELHOR AMIGO
Jovem morre afogado após pular em rio para tentar salvar cachorro