Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 27 de junho de 2019
SADER_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Homem tira calça ao ser barrado em porta giratória de banco

15 Mar 2007 - 17h55
Um homem de cerca de 60 anos tirou a calça nesta quinta-feira (15) ao ser barrado na porta giratória da Caixa Econômica Federal da Avenida Luís Carlos Berrini, na Zona Sul de São Paulo.

O cliente tentou entrar na agência três vezes por volta das 14h50, mas o detector de metais fez a porta travar. Como o homem estava muito nervoso, o gerente foi chamado para tentar contornar a situação. Ele sugeriu que o cliente tirasse um relógio do pulso.

Mesmo sem o objeto, o homem foi barrado pela quarta vez por causa de uma corrente que levava no pescoço. Irritado, ele tirou a calça na entrada da agência. O gerente conversou com o cliente e conseguiu convencê-lo a colocar a roupa.

A polícia chegou a ser chamada, já que os seguranças do banco acionaram o alarme. O homem, no entanto, não chegou a ser levado para a delegacia. O gerente do banco disse que os clientes precisam deixar todos objetos de metal em uma caixinha antes de ingressar na porta giratória. “Segurança, a gente não pode negligenciar.”
 
 
 
 
RMT Online
 
 
 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ALERTA EPIDEMIOLÓGICO
Acadêmico de Medicina morre com suspeita de dengue hemorrágica
INSTINTO ASSASSINO
Jovem leva 23 perfurações pelo corpo dois dias após se separar e fica em coma induzido
CRUELDADE
Adolescentes torturam e matam garota por causa de ciúmes, divulgam vídeo e são apreendidas
HABEAS CORPUS
Segunda Turma do STF mantém Lula preso
TRAGEDIA NA RODOVIA
Uma pessoa morre e cinco feridos após carro da Secretaria de Saúde bater em caminhão
ESCRAVIDÃO
Mulher era mantida em cárcere privado por 20 anos
MONSTRUOSIDADE
Bebê de 9 meses é estuprado e espancado até a morte
QUADRO ESTÁVEL
Após acidente e cirurgia às pressas, Filho de Huck e Angélica deixa UTI
CIGARREIRO
Homem morre após capotar carro carregado com cigarros
ASSÉDIO SEXUAL
Dany Bananinha sofre assédio em praia do Rio e impede nova vitima: 'Me tremi toda'