Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 9 de dezembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
DOURADOS

Homem é executado sentado na cadeira de bar em Dourados

O servente de pedreiro morador do Parque Alvorada, foi assassinado com um tiro na cabeça

9 Set 2013 - 07h41Por Dourados News

O servente de pedreiro Hernandes Duran Pereira, 37, morador do Parque Alvorada, foi assassinado com um tiro na cabeça ontem (7) por volta das 22h30.

Segundo as informações apuradas pela polícia, Pereira estava sentado na mesa de um bar localizado na rua Rita Carolina de Almeida, conhecido como ‘bar da Alice’, na companhia de algumas mulheres.

Testemunhas disseram aos policiais que um homem encapuzado teria chegado ao local e anunciado um assalto, mas ao invés de se dirigir ao caixa do estabelecimento, foi até Pereira, disparou contra a cabeça dele uma vez, e em seguida fugiu na garupa de uma moto sem levar nada. O servente de pedreiro morreu na hora, sentado na cadeira do bar.

Ainda de acordo com a polícia, a vítima não tinha antecedentes criminais, e ainda não há nenhuma informação sobre o que teria motivado o crime. O caso foi registrado no 1º Distrito Policial e está sendo investigado.

Vítima não teve tempo de reagir contra o atirador (Fotos: Osvaldo Duarte)

Deixe seu Comentário

Leia Também

VICENTINA - ALMOÇO NO PESQUEIRO
Pesqueiro 7 Bello serve delicioso almoço com pratos típicos do peixe neste domingo em VICENTINA
COVARDIA
Mulher agride menino autista em playground e vídeo viraliza
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Nicolau descobre que Diana luta karatê e fica em choque
ACUMULOU
Ninguém acerta a mega-sena e prêmio acumula em R$ 30 milhões
VIOLENCIA
'Tiro, porrada e bomba': festa em universidade acaba em pancadaria e PM responde com violência
NOVELA GLOBAL
Gabriel confronta Valentina em “O Sétimo Guardião”
ARROCHO
Regra defendida por Bolsonaro tira R$ 1,1 mil por mês das novas aposentadorias
BARBÁRIE
Mulher é presa após atear fogo em cachorro
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Feliciano foi muito rico e ajudou Valentina no passado
SE DEU MAL
Assaltante é morto após fazer idosa de 83 anos refém no Rio de Janeiro