SUCURI_MEGA
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 11 de Dezembro de 2017
RIO_DOURADOS
19 de Outubro de 2004 08h07

Herbicidas contrabandeado pode chegar a 80% no sul do Estado

Plantar ficou mais caro para o produtor. O custo de alguns insumos, como fungicidas, por exemplo, está 25% mais caro na atual safra. Na região sul do Estado, a proximidade com a fronteira possibilita ao agricultor comprar agrotóxicos no lado paraguaio.

 

A falta de dinheiro é apenas um dos motivos. Os produtos paraguaios custam em média 50% menos em relação aos comercializados nas revendas da região de fronteira.

 

Segundo os técnicos, os produtos paraguaios serão usados em larga escala na próxima safra. As revendas afirmam que a situação é mais grave no caso dos herbicidas, usados para controlar as folhas largas nas lavouras de soja. O uso do produto contrabandeado pode chegar a 80% nas plantações da região sul do Estado. Os produtores alegam que estão descapitalizados por causa dos prejuízos das últimas safras. A Polícia Federal de Dourados disse que já intensificou a fiscalização nas estradas da região.

 

Em entrevista ao Bom Dia MS, o presidente da Associação dos Engenheiros Agrônomos da Grande Dourados, Angelo Ximenes, a afirmação de que o uso de produto paraguaio chega a 80% não é correta. “Acredito que o uso desses produtos chega no máximo aos 30%. Essa é uma informação que as revendas passam como meio de chamar a atenção com relação ao assunto, de um forma mais contundente”, concluiu.
 
 
TV Morena
Comentários
Veja Também
LOJA_02
SADER_LATERAL
FARMÁCIA_CENTROFARMA_300
Últimas Notícias
  
LISTINHA_ONLINE
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.