Menu
SADER_FULL
sexta, 22 de junho de 2018
PASSARELA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Gripe do frango pode virar epidemia mundial, alerta OMS

9 Nov 2004 - 08h00
O mundo está ameaçado por uma nova epidemia da gripe de frango e, infelizmente, ele não está preparado para combatê-la, advertiu nesta segunda-feira um funcionário da Organização Mundial da Saúde (OMS), durante um congresso em Miami (EUA).

"Podemos avaliar que o risco é elevado apesar que não sabemos o quanto", disse David Heymann, responsável pelo departamento de doenças contagiosas da OMS.

"O mundo não está preparado para combatê-la", acrescentou. Heyman disse que as atuais 300 milhões de vacinas contra a doença não são suficientes.

Os riscos da propagação da gripe do frango aumentaram depois que milhões de frangos na Tailândia e no Vietnã foram contagiados e tiveram de ser mortos.

Heyman disse também que é pouco provável o ressurgimento da Sars (síndrome respiratória aguda grave) que matou centenas de pessoas na Ásia em 2002 e 2003.

Vários especialistas da saúde e fabricantes farmacêuticos devem reunir-se em Gênova (Itália) esta semana para discutir meios para lutar contra uma possível epidemia.
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

HAJA CORAÇÃO
Neymar é o autor do gol mais tardio, em tempo normal, de uma Copa na história
COPA DO MUNDO
No sufoco, Brasil supera a Costa Rica e consegue primeira vitória na Copa do Mundo
NOVELA GLOBAL
Segundo Sol: Rosa coloca fim em relação com Ícaro e ele toma atitude
SAUDE
Mulher dá a luz em calçada no Cajuru
FAMOSIDADES
Ex-apresentadora do ‘Vídeo show’, Alinne Prado sofre assalto a mão armada dentro de casa
RELIGIÃO
Padre é flagrado dando tapa em criança durante batismo
APOCALIPSE
André (Sidney Sampaio) é assassinado por Ricardo (Sérgio Marone)
DEMORA
Diesel cai R$ 0,62 em distribuidoras e apenas R$ 0,32 nos postos de MS
Brasil
Terceiro homem que assediou russa na Copa diz que “estão transformando um copo d’água em uma tempestade”
‘Alta Pressão’
Exército deflagra Operação para fiscalizar armamento e reduzir desvios para o comércio ilegal