Menu
SADER_FULL
quarta, 17 de outubro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
DR. SHAPE
Brasil

Grêmio derrota Cerro Porteño e avança às oitavas

25 Abr 2007 - 07h54

O Grêmio está nas oitavas-de-final da Libertadores. Nesta terça-feira, o time gaúcho derrotou o Cerro Porteño por 1 a 0, no Estádio Olímpico, e avançou à próxima fase da competição sul-americana.

Com a vitória, o Grêmio foi a dez pontos e assumiu a primeira colocação do Grupo 3. Em segundo lugar ficou o Cúcuta, com nove, seguido por Tolima e Cerro Porteño, ambos com sete.

O Grêmio começou a partida no ataque, mas demonstrando um pouco de nervosismo. Apesar de buscar o gol, o time tricolor errava muitos passes e não conseguia finalizar com perigo.

Jogando no contra-ataque, o Cerro assustou aos 6min. Após cruzamento da direita de Rojas, Saja saiu mal do gol e a bola sobrou para Ramirez, que cabeceou à esquerda do gol do Grêmio.

Apesar do susto, o Grêmio manteve o domínio das ações no campo de ataque, mas sem levar muito perigo ao gol de Navarro. Insatisfeito, o técnico Mano Menezes começou a pedir para que equipe jogasse mais pelas laterais.

O time gaúcho conseguiu abrir o placar aos 31min, mas o gol foi anulado pela arbitragem. Após cobrança de falta de Tcheco, Teco mandou a bola para as redes, mas o assistente invalidou o lance marcando impedimento.

A última boa chance do Grêmio na primeira etapa saiu aos 43min, quando Tuta tabelou com Tcheco, invadiu a área do Cerro e chutou rasteiro, mas o goleiro Navarro fez uma boa defesa e impediu o gol gremista.

O segundo tempo veio e o Cerro voltou para a etapa final tentando atacar mais o Grêmio. Aos 5min, Salcedo tentou o chute do meio, mas a bola bateu em Nunes e ficou com Teco.

A torcida do Grêmio levou outro susto aos 14min, quando Salcedo lançou Ramirez na direita. O atacante tocou a bola na saída de Saja e quase marcou o primeiro do Cerro, mas o árbitro marcou impedimento na jogada.

Em busca do primeiro gol, o técnico Mano Menezes resolveu deixar o Grêmio mais ofensivo na partida, sacando do jogo o volante Nunes para a entrada do atacante Everton.

E a mudança deu certo. Aos 24min, Sandro Goiano cobrou uma falta para a área e Everton, de cabeça, mandou a bola para o fundo das redes, sem chances de defesa para Navarro.

Em vantagem, Mano Menezes resolver fazer outra mudança no Grêmio, desta vez defensiva. O treinador decidiu tirar de campo o atacante Carlos Eduardo para a entrada do volante Edmílson.

Empolgado, o time gaúcho teve a chance de ampliar o placar aos 31min. Na jogada, Sandro Goiano chutou cruzado e Tuta tentou desviar a bola, mas ela saiu à esquerda do gol de Navarro.

Sem oferecer tanto perigo à meta de Saja, o Cerro Porteño não conseguiu chegar ao gol de empate. Melhor para o Grêmio, que manteve o resultado positivo até o final do jogo e assegurou sua classificação.

 

 

Terra

Deixe seu Comentário

Leia Também

OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Conclusão do Comperj deve gerar 8 mil vagas em 2019
LUTO NO JORNALISMO
Morre Gil Gomes, jornalista policial, aos 78 anos, em São Paulo
SELEÇÃO BRASILEIRA
Brasil vence a Argentina com gol de Miranda nos acréscimos e conquista o Superclássico
HORARIO DE VERÃO
Início do horário de verão não será adiado, informa o Planalto
IBOPE PARA PRESIDENTE
Ibope para presidente, votos válidos: Bolsonaro, 59%; Haddad, 41%
ASSASSINATO
Rapaz agride avós de adolescente que não quis namorar com ele; avó morreu
TRAGEDIA NA RODOVIA
Carro ocupado por sete pessoas se envolve em acidente; cinco morreram
REVOLTANTE
Menina de 11 anos é estuprada por detento ao visitar irmão em presídio
ACIDENTE FATAL
Douradense morre em acidente no RS
REALITY SHOW
A Fazenda 10: Ana Paula é eliminada e se manifesta contra Bolsonaro