Menu
SADER_FULL
terça, 13 de novembro de 2018
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

Governo vai iniciar a construção de cadeias lineares

17 Mai 2007 - 07h35
Juntamente com o secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Wantuir Francisco Brasil Jacini, o governador André Puccinelli assina hoje (17), às 10 horas, no auditório da governadoria, a ordem de serviço para o início da construção de cadeias lineares nos presídios de Segurança Máxima de Campo Grande e Dourados, estabelecimentos penais “Jair Ferreira de Carvalho” e “Harry Amorim Costa”, respectivamente. 

As cadeias lineares são anexos que serão construídos dentro das áreas das penitenciárias de segurança máxima em Campo Grande e Dourados, mediante o método tradicional da construção civil. São compostas por celas individuais ou duplas que abrigarão internos considerados de risco, objetivando manter a ordem e a segurança nos estabelecimentos penais. O regime disciplinar adotado nas alas será diferenciado do executado no restante do presídio. Campo Grande contará com 110 vagas e Dourados, 180. 

“As novas alas não vão aumentar o número de vagas nos presídios, serão utilizadas para combater o crime organizado e isolar as lideranças negativas que já cumprem pena nas unidades”, afirma o secretário Wantuir Jacini.

Recursos 

A dotação orçamentária para a construção das alas é proveniente do Ministério da Justiça. Em Campo Grande serão investidos R$ 2.611.265,48, acrescidos da contrapartida do Estado que é de R$ 290.140,61.

Em Dourados serão investidos R$ 2.962.606,05  somados à contrapartida do Estado de R$ 329.178,45 contabilizando um total geral de: R$ 6.193.190,59. 

A empresa Engepar Engenharia e Participações LTDA venceu a licitação e terá o prazo de até dez dias após a assinatura da ordem de serviço para iniciar as obras, tanto na Capital como em Dourados. Assinarão o termo o governador André Puccinelli, o secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Wantuir Francisco Brasil Jacini, o secretário de Estado de Obras e Transportes, Edson Giroto e representantes da Caixa Econômica Federal e da empresa Engepar.

 

 

Notícias.ms

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSIDADES
Susana Vieira está com leucemia, mas a doença está controlado, diz assessoria
NOVELA GLOBAL
Marina Ruy Barbosa é a heroína de 'O sétimo guardião': 'Luz foge do tradicional'
CONSTRANGIMENTO
Claudia Leitte quebra silêncio e desabafa sobre polêmica com Silvio Santos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Concursos oferecem mais de 1 mil vagas e salários de até R$ 6,6 mil no MS
NOVA EQUIPE
Bolsonaro intensifica processo de transição esta semana em Brasília
ESPORTE EM TOUROS
VÍDEO: Peão de MS morre após ser pisoteado por touro em rodeio no interior de SP
ULTIMO CAPITULO
Globo exibe último capítulo de Segundo Sol e assunto bomba
DE GLÓRIA DE DOURADOS PARA O MUNDO
Ana Karla é convidada especial da Hyundai para um talk show neste sábado em São Paulo
1ª INDIGENA NO GOVERNO
Índia da equipe de Jair Bolsonaro já atuou com Cauã Reymond e foi moradora de rua
FINAL DE NOVELA
Valentim beija Rosa em gravação que vai ao ar no fim de 'Segundo sol'; veja mais detalhes