Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 25 de agosto de 2019
SADER_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Governo terá R$ 45 milhões para concluir obras em MS

15 Out 2004 - 10h40
O governo de Mato Grosso do Sul deve aplicar R$ 45 milhões em obras inacabadas e adequações de estruturas do poder público que forem necessárias, disse o governador Zeca do PT em discurso na inauguração do prédio do TCE (Tribunal de Contas do Estado), no Parque dos Poderes.
O discurso do governador teve, em vários momentos, referências ao ex-governante Pedro Pedrossian, idealizador do Parque dos Poderes. Antes de discursar, Zeca descerrou placa em homenagem a Pedrossian, destacando sua “visão de futuro”.
Zeca disse, por exemplo, que a transformação em espaço de esporte e lazer da estrutura prevista para ser o novo terminal rodoviário de Campo Grande, no bairro Cabreúva, é “reconhecimento ao senhor (Pedrossian) e respeito ao público”.
O governador citou também a reforma do prédio do antigo Fórum da Capital, que deve ser transformado em centro cultural e abrigar órgãos públicos, e deu destaque à estrutura implantada pelo atual governo nos parques da cidade construídos durante gestões de Pedrossian.
 
 
Campo Grande News

Deixe seu Comentário

Leia Também

A CASA CAIU
Homem pede divórcio ao descobrir que não é pai de nenhum dos nove filhos
ESTADO GRAVE
Homem ateia fogo em mulher e filha de 4 anos 80% do corpo queimado
SURPRESA E FÉ
Homem que morava em uma barraca ganha casa reformada
JUSTIÇA PROPRIAS MÃOS
Suspeito de ter estuprado criança é assassinado por lideranças de bairro
ASSISTA A REPORTAGEM
Família da modelo Mylena Mendes, que morreu em acidente faz protesto no Fórum
NOVELA GLOBAL
Régis confessa que forjou DNA de Arthur em 'A dona do pedaço'
FOGO NA AMAZONIA
Macron diz que Bolsonaro mentiu, e Europa ameaça retaliar Brasil
TURISMO
Curtir a Cidade Maravilhosa com pacotes de viagens baratos
FUTEBOL - PAIXÃO NACIONAL
Uma estrutura confiável para resultados de futebol
POSSE DE ARMA
Posse de arma em toda extensão da fazenda é aprovada e segue para sanção