Menu
SADER_FULL
segunda, 10 de dezembro de 2018
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Governo quer pagar dívida com a Petrobras com ICMS do gás

9 Mai 2007 - 09h32

O governo do Estado pretende usar o ICMS do gás natural, pago todo mês pela Petrobras a MS por conta do uso, pela estatal, do território do Estado para transportar o gás boliviano para o Sul e Sudeste do País, para quitar um débito de R$ 120 milhões que a Petrobras cobra de Mato Grosso do Sul.

A dívida com a Petrobras, herdada do governo anterior, é decorrente do fornecimento de insumos - como lama asfáltica - a MS para a recuperação e manutenção das rodovias estaduais.

Ontem, em visita à Petrobras no Rio de Janeiro, o governador André Puccinelli (PMDB) bem que tentou convencer a estatal a reduzir a dívida dos R$ 120 milhões para R$ 81 milhões, que seriam pagos em 30 parcelas de R$ 2,7 milhões, mas a empresa de petróleo e gás não aceitou a proposta. 

Puccinelli então protocolou, junto à Petrobras, solicitação para que o débito com a estatal seja pago dentro de uma espécie de encontro de contas. Ou seja, os R$ 30 milhões que a Petrobras paga todo mês pelo transporte do gás boliviano pelo território do Estado serão revertidos em parcelas para quitar a dívida com a estatal.

“A intenção do governo é garantir o depósito do valor que será retido do ICMS devido pela Petrobras ao Estado", explica o líder do governo na Assembléia Legislativa, Youssif Domingos (PMDB). 

 

Conjuntura Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

COVARDIA
Mulher agride menino autista em playground e vídeo viraliza
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Nicolau descobre que Diana luta karatê e fica em choque
ACUMULOU
Ninguém acerta a mega-sena e prêmio acumula em R$ 30 milhões
VIOLENCIA
'Tiro, porrada e bomba': festa em universidade acaba em pancadaria e PM responde com violência
NOVELA GLOBAL
Gabriel confronta Valentina em “O Sétimo Guardião”
ARROCHO
Regra defendida por Bolsonaro tira R$ 1,1 mil por mês das novas aposentadorias
BARBÁRIE
Mulher é presa após atear fogo em cachorro
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Feliciano foi muito rico e ajudou Valentina no passado
SE DEU MAL
Assaltante é morto após fazer idosa de 83 anos refém no Rio de Janeiro
ROUBO MILIONÁRIO
Homens invadem banco, trocam tiros com polícia e fogem com R$ 1 milhão