Menu
SADER_FULL
domingo, 17 de fevereiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Governo paraguaio se esforça para dar lista oficial de morto

5 Ago 2004 - 17h06
O governo paraguaio se esforça para anunciar a lista definitiva de mortos no incêndio que no domingo passado arrasou um hipermercado de Assunção, cujo número ronda os 400, segundo diversas fontes oficiais.
   "As listas parciais examinadas pelo Comitê de Emergência Nacional têm omissões, duplicações de nomes e outros erros que devem ser ajustados antes de oficializar os dados", afirmou hoje o diretor do organismo, Manuel Sarquis.
   
   Sarquis disse em entrevista coletiva que o Comitê trabalha desde ontem na consolidação da lista oficial, que é contraditória dependendo da fonte de informação: polícia, procuradoria e equipes de socorro.
   
   Em um lista difundida pela procuradoria em sua página na Internet, o número de mortos, praticamente todos carbonizados, é de 465, mas o vice-ministro de Segurança Interna, Eustaquio Colmán, afirmou hoje que foi detectado repetição de nomes.
   
   "Encontrei 82 nomes repetidos e até o momento temos 345 pessoas identificadas", segundo Colmán.
   
   A lista de pessoas dadas como desaparecidas oscila em cerca de cem.
   
   O que se sabe com exatidão é a quantidade de internados nos hospitais de Assunção, cujo número chega a 187. Deles, cerca de 40 são menores de 18 anos.
   
   Sarquis explicou que o governo precisará de pelo menos três milhões de dólares para a assistência médica e legal dos feridos e atenuar as necessidades de seus familiares, muitos dos quais têm poucos recursos.
   
   O Comitê registrou até hoje doações no valor de 340.000 dólares, mas Sarquis não informou se estão incluídas as provenientes do exterior ou de organismos.
   
   Pouco depois da tragédia, o governo de Taiwan anunciou uma doação de 150.000 dólares, o Banco Interamericano de Desenvolvimento outra de 50.000, enquanto a Confederação Sul-americana de Futebol doou 100.000 dólares.
 
EFE

Deixe seu Comentário

Leia Também

O REI ROBERTO CARLOS
Roberto Carlos vestiu rosa e se mostrou contrário a projeto de Jair Bolsonaro
BRIGA NO PLANALTO
Magoado e traído, Bebianno não vai poupar filho de Bolsonaro
TRÁGICO
Mãe do piloto de Ricardo Boechat morre três dias após o filho
OUTROS 10 ESTADOS
Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário
HORARIO DE VERÃO
Atrase seu relógio! Horário de verão termina neste sábado(16)
CARCERE PRIVADO
Mulher é chicoteada com fio elétrico pelo marido