Menu
SADER_FULL
domingo, 17 de fevereiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Governo libera R$ 10,9 milhões a cidades atingidas por temporais

5 Nov 2010 - 14h58Por Assessoria

O Governo federal vai liberar na semana que vem R$ 10,9 milhões para ajudar municípios do Estado afetados por temporais nos últimos meses.A informação foi transmitida há pouco pelo Ministério da Integração Nacional ao senador eleito e deputado federal Waldemir Moka (PMDB), presidente da Comissão Mista de Orçamento do Congresso.

Por meio do Governo do Estado, os prefeitos encaminharam pedidos de socorro ao Governo federal, no total de R$ 16,5 milhões. No entanto, a Secretaria Nacional de Defesa Civil informou que serão liberados R$ 10,9 milhões para obras emergenciais.

O valor destinado a cada município ainda não está definido. Mas a expectativa é que os recursos sejam liberados proporcionalmente ao montante solicitado por cada prefeitura. “Sabemos que o valor será menor que o solicitado. Mas virá em boa hora, uma vez que os prefeitos dependem dessa verba para executar obras de emergência”, afirmou Moka.

As tempestades registradas em Mato Grosso do Sul nos últimos meses causaram destruição em pelo menos 12 municípios. Entre eles Três Lagoas, Dourados, Ponta Porã, Bataguassu, Bataiporã, Selvíria, Santa Rita do Pardo e Nova Andradina.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OUTROS 10 ESTADOS
Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário
HORARIO DE VERÃO
Atrase seu relógio! Horário de verão termina neste sábado(16)
CARCERE PRIVADO
Mulher é chicoteada com fio elétrico pelo marido
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Lutador de MMA mata ex de 16 anos, tenta suicídio e morre horas depois em hospital
VIOLENCIA NO RIO
Menina de 11 anos é baleada e morta em Triagem; moradores protestam
DOENÇA GRAVE
Leiliane ganha acompanhamento médico após desastre com Boechat