Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 22 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Governo lança programa de incentivo à venda de laptops

14 Mai 2007 - 10h45

Depois do computador popular, é a vez do notebook popular. O governo federal vai anunciar nesta segunda-feira (14) um programa de incentivo à venda de laptops. Com isso, o computador portátil passa a ter acesso a financiamento com juro abaixo do vigente no varejo.

As linhas de crédito são oferecidas pela Caixa Econômica Federal, pelo Banco do Brasil e por varejistas credenciados pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

No computador de mesa, a linha de crédito ainda não emplacou. O governo diz que, até o momento, foram vendidos 530 mil PCs nas especificações do projeto Computador para Todos. Só que apenas 11.509 foram adquiridos com financiamento dos bancos públicos. Uma possível explicação está nas dificuldades para obter o financiamento.

Para ter direito à linha de crédito, o notebook deve ter tela de 14 polegadas, processador de 1,4 GHz, placa de acesso à rede sem fio (Wi-Fi), gravador de CD, 512 megabytes de memória, disco rígido com capacidade de 40 gigabytes e peso de no máximo 3 quilos - configurações similares às dos laptops básicos disponíveis no mercado.

Linux

O sistema operacional precisa ser o Linux, principal concorrente do Windows, da Microsoft. Segundo a Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee), 18% dos 8,2 milhões de computadores vendidos no país ano passado saíram de fábrica com o Linux.

A idéia é combater o chamado mercado cinza, computadores geralmente montados de forma irregular e trazidos via contrabando. Para o PC de mesa, a iniciativa já surtiu efeito.

 

 

G1

Deixe seu Comentário

Leia Também

PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho