Menu
SADER_FULL
sábado, 26 de maio de 2018
PASSARELA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Governo divulga avaliação feita em 1,5 mil escolas em MS

29 Jun 2004 - 13h06
O governo do Estado, através da Secretaria de Estado de Educação (SED), divulga esta manhã o resultado do Saems (Sistema de Avaliação da Educação Básica de Mato Grosso do Sul). Foram avaliados os alunos de quarta a oitavas séries, em Língua Portuguesa e Matemática, de 1.501 escolas municipais, estaduais e particulares.
A divulgação dos resultados será durante o 2º Encontro Saems, que começa às 8h, na escola estadual Maria Constança Barros Machado, em Campo Grande.
Às 9h, o secretário de Estado de Educação, Hélio de Lima, o diretor de Avaliação da Educação Básica do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep/MEC - Ministério da Educação), Carlos Henrique Araújo, e a representante da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), Lina Kátia Mesquita de Oliveira, concedem uma entrevista coletiva à imprensa para falar sobre o Saems e suas aplicações.
 
CG News

Deixe seu Comentário

Leia Também

PARALISAÇÃO
Petroleiros do Pais inteiro anunciam greve "Vamos parar todas as Refinarias"
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Laureta transa com Ícaro e fica encantada
FÁTIMA DO SUL - FOTO DO DIA
FOTO DO DIA: Carreata dos caminhoneiros vista de cima em Fátima do Sul
FÁTIMA DO SUL - GREVE JÁ PREOCUPA
Situação já preocupa o setor alimentício 'Acendemos a luz vermelha', diz empresário em Fátima do Sul
FÁTIMA DO SUL - BUZINAÇO NA AVENIDA
Ao som do Hino Nacional, população e caminhoneiros fazem 'buzinaço' em Fátima do Sul
AGORA - DECISÃO DO PRESIDENTE
#AGORA: Temer aciona Exército 'forças federais' para desbloquear estradas
FÁTIMA DO SUL - CARREATA DOS CAMINHONEIROS
Caminhoneiros preparam carreata e conclamam o comércio para que fechem as portas em Fátima do Sul
COPA DO MUNDO
Dias de jogos do Brasil na Copa do Mundo não serão feriado
FÁTIMA DO SUL - PROTESTOS CONTINUAM
Bloqueios continuam e caminhoneiros convocam população para 'Parar Fátima do Sul'
VANDALISMO NÃO!
Caminhão é incendiado por manifestantes durante protesto contra aumento de combustível