Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
terça, 19 de março de 2019
prefeitura VICENTINA Março 2019
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Governo distribuirá escova e pasta dental

30 Jul 2004 - 15h43

A partir do próximo mês, o Ministério da Saúde distribuirá escova e pasta dental para 30% de todas as pessoas que são atendidas pelo Brasil Sorridente, programa nacional de saúde bucal lançado em março deste ano.

O anúncio foi feito pelo coordenador de Saúde Bucal do MS, Gilberto Pucca. Segundo ele, um levantamento recente do ministério constatou que 40% da população brasileira não consomem escova e pasta regularmente.

Com essa iniciativa, o ministério pretende reduzir o número de cáries na população brasileira. "O grande problema de saúde pública em saúde bucal é a cárie dentária", afirma Pucca. Na abertura da 3º Conferência de Saúde Bucal, ocorrida nesta quinta-feira (29), o ministro da Saúde Humberto Costa admitiu que o povo ainda não tem o que comemorar, porque até agora o país só cumpriu uma das cinco metas de saúde bucal estabelecidas pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

A informação consta na pesquisa Saúde Bucal-Brasil, concluída em janeiro de 2004 pelo MS. Das cinco metas propostas pela OMS, apenas a redução do número de cáries em crianças entre seis e 12 anos foi cumprida. O organismo internacional considera que o índice CPA (de dentes careados, perdidos e obturados) nessa faixa etária deve ser menor ou igual a três. No Brasil, o resultado alcançado foi de 2,78.

O estudo avaliou as condições da boca de mais de 108 mil pessoas em todas as regiões brasileiras. Hoje, o país tem oito milhões de desdentados. Outros 30 milhões nunca foram ao dentista. Em março deste ano, ao lançar o programa Brasil Sorridente, o governo prometeu investir R$ 1,3 bilhão em saúde bucal até 2006. Além disso, houve um aumento de 65% do número de equipes de saúde bucal no Programa Saúde da Família.

"O Ministério da Saúde repassa R$ 26 mil para cada equipe de saúde bucal e dois consultórios odontológicos completos, então é um incentivo muito importante e um financiamento muito adequado para o incremento das equipes de saúde bucal", afirma Gilberto Pucca.
 

Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

RESGATADO
Cão abandonado em ilha estava sendo comido vivo por urubus
SEXTUPLOS
Americana dá à luz seis bebês em nove minutos
TRAGÉDIA EVITADA
Garoto de 11 anos leva faca na mochila para matar colega no ônibus escolar
ALERTA AOS PAIS
Menino de quatro anos corta os pulsos em Goioerê e pode ser influência da Momo
FAKE NEWS
Padre Fábio de Melo desmente texto atribuído a ele sobre o ataque em Suzano
ATROPELAMENTO
Idoso é derrubado de bicicleta e atropelado por veículo – Imagens Fortes
PENA MÁXIMA
Pai, madrasta e outros dois réus são condenados pela morte do menino Bernardo
DOCUMENTO UNICO
CPF substitui a partir de hoje diversos documentos
SEM FILA E SEM ESTRESSE
#SemEstresse: sofre com o mal de ficar horas nas filas lotéricas? Veja como se livrar delas
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Morre Avós e menino de quatro anos feridos em acidente