Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 22 de agosto de 2019
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Governo de Zeca do PT investe R$ 975,4 milhões em obras

2 Ago 2004 - 13h13

O governo de Zeca do PT investiu R$ 975.485.391,55 em obras no Estado, desde de 1999 até este ano. Nesse período o número de obras, entre as executadas em execução, chegou a 2107. O desempenho do governo estadual foi apresentado pelo ex-secretário de Estado de Infra-estrutura e Habitação, Carlos Augusto Longo Pereira, hoje pela manhã em Campo Grande, durante posse de Paulo Duarte e Raufi Marques, respectivamente na Secretaria de Estado de Infra-estrutura e Habitação (Seinfra) e Secretaria de Estado de Coordenação Geral do Governo (Secoge).

No balanço de Carlos Longo, que exerceu o cargo de secretário da Seinfra por oito meses, foi divulgada a atuação do governo no setor em 2004. Este ano, até agora, foram lançadas e inauguradas 208 obras, em 72 municípios. Os recursos investidos somam R$ 148.044.625, 01. “Esse trabalho vitorioso na infra-estrutura é fruto do trabalho iniciado em 1999, do qual quero reconhecer publicamente, o trabalho de todos os companheiros que me antecederam”, discursou Longo. Antes dele, dirigiram a secretaria o atual diretor-presidente da Companhia de Gás do Estado de Mato Grosso do Sul (MSGÁS), Maurício Arruda, o senador Delcídio do Amaral (PT), o deputado federal Vander Loubet (PT) e o deputado estadual Pedro Teruel (PT).

Atualmente há em Mato Grosso do Sul 356 obras em andamento, em 65 municípios. Estão sendo destinados R$ 472.680.366,70 para execução desses projetos. Entre as grandes ações programadas pelo governo estadual no setor de infra-estrutura estão a rota bioceânica, revitalização, modernização e manutenção das rodovias estaduais, modernização administrativa da Agesul (Agência de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul), vinculada à Seinfra, e operacionalização do Trem do Pantanal.

No período em que ocupou o cargo de secretário de Estado de Infra-estrutura e Habitação, Carlos continuou respondendo pela direção da Agesul. Ele saiu da pasta de Infra-estrutura e Habitação e reassumiu o cargo de diretor-presidente da Agência de Gestão de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul. “Acima de tudo é compromisso meu e de minha equipe continuar aprimorando nosso trabalho”, admitiu Longo.

 

APn

Deixe seu Comentário

Leia Também

FATALIDADE
Menina de 7 anos é atacada por pitbull e morre na casa dos avós
CRIMINOSO FORAGIDO
Ataque com machadinha deixa alunos e professora feridos em escola
POLEMICA II
Após polêmica, deputado diz que não existe PL de poliamor ou casamento entre mães e filhos
CONFISSÃO
Filhos investigam e descobrem que pai matou a mãe há 37 anos
MAL SUBITO
Policial militar tem mal súbito e morre no mesmo dia que descobriu que seria pai
NOVELA GLOBAL
Régis oferece vender loja para dar dinheiro a Maria da Paz em 'A dona do pedaço'
POLÊMICA
Vale Tudo: projeto libera casamento entre mães e filhos e revolta MS
100 VERBAS
Emissão de CPF e restituição do IR podem ser suspensas pela Receita
100 PENA
'Não tem que ter pena', diz Jair Bolsonaro sobre uso de atirador de elite após sequestro de ônibus
ACIDENTE TRÁGICO
Morte de três profissionais em acidente comove a cidade