Menu
LIMIT ACADEMIA
terça, 25 de junho de 2019
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Giuliano entra para garantir vitória do Inter sobre o São Paulo

29 Jul 2010 - 07h44Por Globo Esporte
Foi preciso um jogador sair do banco aos 20min do segundo tempo para o Internacional  conseguir superar a melhor retranca da Copa Libertadores. Na noite desta quarta-feira, em um Beira-Rio lotado, o suplente Giuliano entrou e marcou o gol da vitória da equipe colorada sobre o São Paulo por 1 a 0, no primeiro duelo pelas semifinais da Copa Libertadores.

Agora, o clube gaúcho viaja à capital paulista, na próxima semana, com a vantagem de jogar por um empate para se classificar. Caso marque gols, obriga o adversário a vencer por dois de diferença.

Rogério Ceni teve atuação destacada, ao lado da linha de marcadores que o protegeu. Entretanto, a postura excessivamente defensiva adotada pelo time de Ricardo Gomes não resistiu à pressão do Inter. Giuliano abriu o placar, mas seus companheiros desperdiçaram inúmeras oportunidades de ampliar.

"Não tem nada a ver com erro de marcação, foi mérito do jogador deles que conseguiu girar bem", afirmou o capitão são-paulino sobre o gol do Internacional. Na jogada, o time colorado trocou passes na entrada da área, Giuliano recebeu, girou para cima de Miranda e bateu rasteiro no canto direito de Ceni.

O São Paulo adotou escalação parecida com a qual triunfou sobre o Cruzeiro nas quartas de final, porém com uma diferença de posicionamento. Richarlyson deixou de ser zagueiro pelo lado esquerdo para exercer a função de volante.

Assim, o time paulista procurou povoar o meio-campo, no 4-4-2, já que o Inter deixou Alecsandro isolado como referência no ataque e chegava nos apoios de Taison, D’ Alessandro, Andrezinho e os laterais Nei e Kleber.

Na etapa inicial, praticamente só um time jogou. Os donos da casa tiveram total domínio sobre o adversário, porém com dificuldade para superar a retranca armada por Ricardo Gomes.

Rogério Ceni apareceu em momentos oportunos e defendeu com segurança finalizações de Alecsandro e Taison. D’ Alessandro assustou em uma cobrança de falta.

Os são-paulinos até tentaram armar alguns contragolpes, porém pecaram na criação. Marlos, Dagoberto e Fernandão foram anulados, e goleiro Renan ficou como um mero espectador em campo.

"Esse é o jogo do São Paulo, se fechar lá atrás e esperar para o contra-ataque. Temos que tomar cuidado, porque não vai ser decidido nada aqui", alertou o colorado Alecsandro, na saída para o intervalo.

“Sabíamos que seria uma pressão grande do Inter e viemos com uma proposta humilde de marcar bem. Não sofremos gols e agora, para o segundo tempo, teremos mais espaço porque o time deles vai cansar”, analisou Hernanes, do outro lado.

O cenário do confronto pouco se alterou no começo do segundo tempo. A equipe gaúcha manteve a pressão, porém esbarrou nos marcadores do rival paulista e em Rogério Ceni.

Aos 20min, Celso Roth apostou em Giuliano e foi feliz. Depois de o placar ter sido inaugurado, Ricardo Gomes apostou em Cleber Santana, no estreante Ricardo Oliveira e em Fernandinho, mas sem sucesso. O Inter seguiu no ataque, mas pecou no arremate final

Deixe seu Comentário

Leia Também

QUADRO ESTÁVEL
Após acidente e cirurgia às pressas, Filho de Huck e Angélica deixa UTI
CIGARREIRO
Homem morre após capotar carro carregado com cigarros
ASSÉDIO SEXUAL
Dany Bananinha sofre assédio em praia do Rio e impede nova vitima: 'Me tremi toda'
EMOÇÃO DEMAIS
Idoso passa mal e morre em palco ao ganhar carro em sorteio
MÚSICA
Marilia Mendonça recorda foto de antes da fama com Cristiano Araújo: 'Saudade'
INFANTICIDIO
Mãe de garotinha morta em Arapongas apanha na cadeia e confirma abusos e agressões – OUÇA ÁUDIO
MORTE ABSURDA
Mulher é morta a tiros após briga por levar bolo e não salgado a festa
AFOGAMENTO
Criança de 8 anos morre afogada ao cair em represa de pesqueiro
CAMPEÃ DO MUNDO FUTSAL
Não deu na Copa, mas deu no Futsal: Campeãs mundiais
RESPIRA POR APARELHOS
Hospital divulga boletim sobre estado de filho de Huck e Angélica