Menu
PASSARELA
sexta, 25 de maio de 2018
SADER_FULL
Busca
DR. SHAPE
Brasil

Furacão faz maior goleada do Brasileiro: 6 a 0 sobre o Goiás

14 Jul 2004 - 07h54
O que faltava ao Atlético-PR nesse Campeonato Brasileiro era convencer seus torcedores de que a equipe tem time para chegar às primeiras posições da tabela. E parece que dessa vez o Furacão conseguiu. Goleou o Goiás por 6 a 0 na Arena da Baixada, na maior goleada do torneio até agora, acabou com a invencibilidade de sete partidas dos goianos e ainda viu Washington, que marcou três vezes, chegar à vice-artilharia da competição, com 10 gols.

Os paranaenses, que agora têm 24 pontos na competição, dominaram a partida durante todo o tempo e não deram chances ao Goiás, que continuou com 23 pontos. Washington e Dagoberto levaram o Furacão pra frente e venceram todas as disputadas com a zaga do Verdão.

O jogo: O Atlético-PR não deu chances ao Goiás desde o primeiro minuto de jogo. Aos sete minutos do primeiro tempo, Dagoberto invadiu a área e o goleiro Rodrigo Calaça impediu aquele que seria o primeiro gol da partida.

O primeiro lance de perigo dos goianos aconteceu apenas aos nove minutos, numa tentativa de Leandro que foi por cima do gol de Diego. A partir daí ficou caracterizado o primeiro tempo: o ataque atleticano vencendo todas as disputas com a zaga goiana e o Verdão só investindo nos contra-ataques.

Aos 28 minutos do primeiro tempo, Dagoberto cruzou forte da direita e a bola desviou no zagueiro João Paulo, enganando o goleiro Calaça.

O Goiás sentiu bastante o gol atleticano e tentou se fechar atrás. Não adiantou muito. Aos 40 minutos, Ilan venceu a disputa contra dois marcadores goianos e tocou para Washington, que não desperdiçou. O Atlético ampliava o placar: 2 a 0.

Ao final do primeiro tempo, o Furacão diminuiu o ritmo da partida e parou de atacar.

No segundo tempo, o Goiás começou melhor, tentanto diminuir a vantagem dos paranaenses. A entrada de Thiago deu mais movimentação ao Verdão.

No entanto, com a defesa aberta, o Goiás não conseguiu impedir que o Atlético ampliasse o placar. Aos 10 minutos, Dagoberto lançou Washington, que chutou no canto direito de Calaça e marcou seu segundo gol na partida. Dois minutos depois, Ilan dribla o zagueiro João Paulo e marca o quarto do Atlético.

Com o placar totalmente desfavorável e a expulsão de Jadílson, aos 15 minutos do segundo tempo, o Goiás ficou completamente vendido em campo. O time tentou partir para o ataque, mas deixou espaços na zaga que o Furacão não desperdiçou.

Os paranaenses ainda marcaram mais duas vezes. Aos 23, Washington ganhou de Thiago na corrida e chutou forte, sem chances de defesa para Calaça. Aos 36, Denis, que substituiu Dagoberto, aproveitou mais uma bobagem da zaga goiana e fechou a goleada: 6 a 0 para o Atlético-PR.

 

Gazeta Esportiva

Deixe seu Comentário

Leia Também

FÁTIMA DO SUL - BUZINAÇO NA AVENIDA
#AGORA: Ao som do Hino Nacional, população e caminhoneiros fazem 'buzinaço' em Fátima do Sul
AGORA - DECISÃO DO PRESIDENTE
#AGORA: Temer aciona Exército 'forças federais' para desbloquear estradas
FÁTIMA DO SUL - CARREATA DOS CAMINHONEIROS
Caminhoneiros preparam carreata e conclamam o comércio para que fechem as portas em Fátima do Sul
COPA DO MUNDO
Dias de jogos do Brasil na Copa do Mundo não serão feriado
FÁTIMA DO SUL - PROTESTOS CONTINUAM
Bloqueios continuam e caminhoneiros convocam população para 'Parar Fátima do Sul'
VANDALISMO NÃO!
Caminhão é incendiado por manifestantes durante protesto contra aumento de combustível
TRABALHO ESCRAVO
Ministério do Trabalho resgata 15 trabalhadores de situação degradante
NOVELA GLOBAL
Segundo Sol: Fugitiva, Manu é perseguida pelo avô cruel, ela busca refugio na casa de Luzia: “Você é
APOCALIPSE
Estela (Lisandra Souto) trai o marido, Felipe (Jandir Ferrari), ao contar que ele sabe onde está Zoe
CAMINHONEIROS MANTÉM BLOQUEIOS
Mesmo após acordo, caminhoneiros se mobilizam pelo 5º dia em vários estados