Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 21 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Funcionários dos Correios podem parar a partir do dia 13

30 Ago 2007 - 05h30
Os 1,4 mil trabalhadores dos Correios em Mato Grosso do Sul podem parar no próximo dia 13 caso não consigam os resultados pretendidos nas reivindicações de reajuste salarial. "Nós pedimos R$ 200,00 e mais 47% pelas perdas salariais acumuladas, mas a proposta dos patrões é de um aumento de apenas 3,74%", explica Daniel Moreira dos Santos, secretário-geral do Sindicato dos Trabalhadores dos Correios no estado.
Santos explica que a possível paralisação acontecerá simultaneamente em todo o país e por tempo indeterminado. "A princípio vamos parar todo o serviço, mas a empresa certamente vai entrar com uma ação judicial contra isso e se a Justiça determinar um número mínimo de trabalhadores em atividade, vamos cumprir", afirma.
O sindicalista informa que as negociações com os diretores dos Correios foram retomadas hoje e que no dia 4 de setembro haverá uma assembléia dos trabalhadores. "Pode ser que a empresa faça uma nova proposta. Se isso acontecer e a categoria aceitar, nós voltaremos atrás e não faremos a paralisação", finaliza.
 
 
Campo Grande News

Deixe seu Comentário

Leia Também

GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos