Menu
SADER_FULL
sábado, 23 de fevereiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Fla vence Real Potosí e permanece invicto na Libertadores

19 Abr 2007 - 08h50

O Flamengo fez valer a força do Maracanã e não deu chances para a equipe do Real Potosí, vencendo por 1 a 0, nesta quarta-feira. Com a vitória, o time rubro-negro encerrou sua participação na 1ª fase da Copa Libertadores de maneira invicta. Apenas o Santos e a equipe rubro-negra que permanecem sem perder no torneio.

O time carioca terminou a primeira fase com 16 pontos ganhos, sete a mais que o vice-líder Paraná e aguarda o seu adversário nas oitavas-de-final. Já o Potosí, que precisava da vitória para se garantir na próxima fase, encerrou a sua participação no torneio com seis pontos, no terceiro lugar.

Mesmo com a primeira colocação do grupo garantida, o Flamengo partiu para o ataque e pressionou o Real Potosí desde o começo da partida. Aos 5min, a bola foi rolada para Renato, que fez o corta-luz e deixou para Leonardo Moura bater e carimbar a zaga boliviana.

O bombardeio rubro-negro prosseguia. Aos 12min, Roni chutou forte de dentro da área e mandou no travessão. Na sobra, Souza chutou e mandou em cima do goleiro Burtovoy.

A pressão do Flamengo acabou dando resultado no minuto seguinte. Juan fez cruzamento baixo pela esquerda. Souza se antecipou e desviou para o fundo das redes.

O gol animou ainda mais a equipe rubro-negra, que não se contentava com o 1 a 0. Aos 22min, Leonardo Moura entrou na cara do goleiro e chutou em cima de Burtovoy. Na sequência, a zaga chegou antes e cortou para escanteio.

Aos 28min, Renato Augusto abriu para Roni, livre na esquerda. O atacante cortou para o meio e tentou bater colocado. A bola passou mais uma vez à direita do gol.

O time rubro-negro ainda chegou a comemorar o segundo gol, mas o juiz acabou anulando o lance. Aos 38min, depois do goleiro Burtovoy bater roupa em cobrança de falta, Irineu completou para o gol, mas o assistente pegou o impedimento corretamente.

No segundo tempo, a equipe carioca seguia em cima dos bolivianos. Aos 2min, após batida de escanteio, a bola sobrou para Renato Augusto emendar. Burtovoy espalmou e a bola tocou no travessão.

O Real Potosí pouco asssustava o gol de Bruno, como fez aos 4min. Peña cobrou falta de muito longe. A bola saiu com força e assustou o goleiro do Flamengo.

Os rubro-negros responderam rapidamente. Aos 7min, Renato bateu colocado de longe. A bola pingou na frente do goleiro, que teve dificuldades para espalmar ao lado.

O time do Flamengo foi diminuindo o ritmo aos poucos e só chegava com perigo em lances esporádicos, como aconteceu aos 31min. Leandro Salino ajeitou para Léo Medeiros bater de chapa. O chute saiu com defeito e Burtovoy segurou.

O Potosí ainda teve uma última chance de conseguir o empate aos 38min. Gatty Ribeiro recebeu entre os zagueiros e tentou encobrir Bruno. A bola saiu alta, por cima do travessão, acabando com as esperanças dos bolivianos.

 

 

Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

PEDOFILIA
Babá de 15 anos recebia dinheiro para ter relações com patrão
PREOCUPANTE
Mineradora declara situação de emergência em barragem de Araxá
INTOLERANCIA RELIGIOSA
Delegado solicita ida à casa do 'BBB 19' para interrogar Paula, investigada por intolerância
RESUMO DAS NOVELAS
Mercedes convoca Murilo para uma conversa
CORTE CEGO
Megaoperação da PM em 18 bairros tem três mortos e cinco feridos
PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico