Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sexta, 22 de fevereiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
MATO GROSSO DO SUL

Fiems articula instalação de novas PCHs em MS

29 Out 2010 - 06h00Por Conjuntura Online

Durante visita ao município de Chapadão do Sul, o presidente da Fiems, Sérgio Longen, voltou a destacar que as PCHs (Pequenas Centrais Hidrelétricas) instaladas ou em processo de implantação em Mato Grosso do Sul vão contribuir decisivamente para a auto-suficiência energética nos próximos anos. Hoje, já são 9 PCHs em operação no Estado e 4 com a autorização da Aneel para a implantação. No entanto, Mato Grosso do Sul tem potencial para o triplo de empreendimentos desse porte.

“As PCHs são uma oportunidade de investimento pronto, responsáveis pela geração de energia limpa e junto com a energia da biomassa são fontes de riqueza. O setor tem potencialidade para crescer integrando um novo modelo de atividade industrial que pode tornar o Estado até exportador de energia elétrica”, ressaltou Sérgio Longen. A Fiems já oferece subsídios aos empresários interessados em investir na geração de energia por meio das PCHs.

Atualmente, as 9 PCHs em operação em Mato Grosso do Sul são a Alto Sucuriu e Porto das Pedras (Chapadão do Sul), Aquarius (Sonora), Assis Chatobriant (Ribas do Rio Pardo), Buriti (Água Clara), Costa Rica (Costa Rica), Paraíso (Paraíso das Águas), Planalto (Cassilândia) e Ponte Alta (São Gabriel do Oeste), enquanto as quatro que tem autorização para implantação são a Verde 4 e Verde 4 A (Ribas do Rio Pardo) e Indaiá Grande e Indaiazinho Grande (Cassilândia).  

Deixe seu Comentário

Leia Também

PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'
LARANJADA
Deputados do PSOL distribuem laranjas na chegada de Bolsonaro à Câmara