Menu
SADER_FULL
sexta, 18 de janeiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
CANTINA BAH
Brasil

"Ficou irritada com minha baianidade", diz D. Mercury sobre Marília Gabriela

5 Set 2013 - 16h43Por Terra

Daniela Mercury e Marília Gabriela teriam se estranhado durante a gravação do programa Marília Gabriela Quase Proibida, do SBT, onde o assunto principal é sexo. Durante a entrevista, a cantora parecia estar monossilábica. Em conversa com a Bang Showbiz, nos bastidores do especial Criança Esperança, da TV Globo, ela garantiu que não houve nada de errado.

''Não rolou mal estar, não! É que eu achei mais tranquilo do que ela. Eu disse à ela que pra mim não é uma grande questão'', se referindo ao momento em que ela assumiu um relacionamento homossexual com a jornalista Malu Verçosa. ''Isso para mim não é um drama. Aí, ela me quesitonava dizendo que só porque baiano é assim, pode tudo? Era ela com o jeito dela e eu com o meu. Ela ficou irritada com a minha baianidade talvez, com a minha tranquilidade. Mas nada que extrapole a própria entrevista'', completa e esclarece.

 

Durante a semana, boatos davam conta que o programa teria sido interrompido e Daniela pedido para encerrar a entrevista. ''Eu? Não. Eles que pararam a entrevista uma ou outra vez para checar alguma coisa técnica deles lá. Eu estava lá tranquila e calma, disposta a responder qualquer coisa. Eu não tenho o menor problema com nada!'', revelou com muita tranquilidade.

Daniela Mercury, que estava com a namorada nos bastidores do especial, fez questão de dizer que o baiano não pode tudo, que é tão tradicional quanto o restante do país. ''Eu acho até que na Bahia, em termos religiosos, a gente é até um pouco mais flexível. Acumulamos os santos católicos com os santos do candomblé. O sincretismo religioso dá uma certa flexibilidade. Mas nas outras coisas a gente não é nada flexível. Acho até que somos bem dentro do padrão'', comentou.

Nas redes sociais o assunto ganhou destaque. Daniela comentou esse burburinho. ''As pessoas dizem o que querem. Como eu gosto de me aperfeiçoar sempre, busco ouvir o que elas dizem nas redes sociais. Mas quando eu não to afim, não ouço e pronto'', explica. Em uma análise mais profunda, a cantora baiana diz que é uma intimidade forte demais o relacionamento de fãs e artista via internet. ''Elas se acham íntimas da gente. Tão íntimos que falam coisas que você não discutiria com seu amigo mais íntimo. Nem se o seu psicanalista dissesse aquilo você estaria confortável para ouvir. E elas dizem. As redes sociais podem ser um tipo de psicanálise, para ajudar a gente a mudar. Mas como eu sei que não vou mudar mesmo, me aceite como eu sou e vou levando!'', finaliza.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo Marciano morre aos 67 anos, vítima de enfarto
CARNAVAL É NO CAMPO BELO RESORT
Carnaval é no Campo Belo Resort, reserve já seu lugar nesse bloco - Confira os pacotes
MS EM ALERTA
Meteorologia alerta para a possibilidade de chuva forte no fim de semana no MS
DECEPCIONADA
Regina Duarte surpreende e se posiciona contra atitude de Bolsonaro
SATÂNICO
Mulheres são presas acusadas de torturar criança de apenas dois anos que teve rosto desfigurado
INSPIRAÇÃO
Idoso se forma em Direito aos 94 anos, após morte da esposa
POLEMICA
Movimento Gay quer tirar Bíblia de circulação no Brasil, diz Damares