SUCURI_MEGA
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 17 de Outubro de 2017
DELPHOS_FULL
6 de Dezembro de 2004 13h57

“Ficamos só com ônus de ser governo”, diz Moka

O presidente regional do PMDB em Mato Grosso do Sul, deputado federal Waldemir Moka, reafirmou nesta segunda-feira a decisão do partido, em âmbito estadual, de defender o rompimento com o Governo Federal e a entrega dos dois ministérios hoje ocupados pelos peemedebistas – Previdência Social e Comunicações.
“Do ponto de vista partidário, ficamos só com o ônus de ser governo. Onde o PT pôde, ele só massacrou o PMDB”, disse em entrevista ao programa de rádio Noticidade, da FM Cidade.
Para o deputado, o PMDB deve ficar fora do governo para ter mais independência na votação de projetos que considere prioritários para o país. “Sem a obrigatoriedade de votar com o governo porque estamos na base”, afirmou no último sábado (4), em reunião entre os líderes do partido no diretório estadual. Na ocasião, o prefeito de Campo Grande, André Puccinelli (PMDB), disse que considera a saída do governo “inevitável”.
Nesta segunda-feira, o PMDB paulista aprovou por unanimidade a proposta que prevê a saída do partido da base aliada do governo, segundo informou há pouco a Agência Brasil. Os membros da legenda também aprovaram a saída dos membros da equipe do governo Lula e a mudança da sigla para o antigo MDB. A decisão será encaminhada à Convenção Nacional do partido que decidirá o assunto, marcada para o próximo dia 12, em Brasília. O senador Ramez Tebet representará Mato Grosso do Sul no evento.
 
 
Campo Grande News
Comentários
Veja Também
LÉO_GÁS_300
BANNER_LATERAL_ASSOMASUL
LIMIT ACADEMIA_BOTTON
Últimas Notícias
  
BANNER_LATERAL_ASSOMASUL
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.