Menu
SADER_FULL
quinta, 21 de fevereiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Feto é encontrado em lavanderia do Hospital Regional de Campo Grande

9 Out 2010 - 06h23Por Mídia Max

A equipe médica do Hospital Regional encontrou ontem um feto entre lençóis e roupas de uma paciente no setor de Ginecologia e Obstetrícia do HR.

Segundo informações do boletim de ocorrência, um funcionário da lavanderia encontrou entre as roupas de cama uma calcinha e o que acreditava ser um pedaço de placenta.

Porém, o funcionário percebeu que na verdade era um feto humano e acionou a chefia do setor. De acordo com as informações prestadas, foi chamado um perito criminal, que durante a análise encontrou na calcinha um objeto parecido com um comprimido.

Após investigarem o caso, chegaram a informação de que na manhã de hoje, uma viatura do SAMU (Serviço Móvel de Urgência) deu entrada no Pronto Socorro do HS trazendo a paciente C.R.L. que apresentava intenso sangramento e foi levada em estado de choque e inconsciente para o centro obstétrico do hospital, onde foi feio feito procedimento de curetagem.

Segundo o depoimento dos funcionários do setor a polícia, talvez o feto tenha ficado nos lençóis e não foi encontrado durante o procedimento, pois havia muito sangue. Geralmente nesses casos, os fetos vítimas de abortos são levados para o setor de patologia.

Em conversa com o médico que atendeu a paciente, Jailson Carono, a polícia foi informada de que foi feito o procedimento de curetagem e que a “paciente havia perdido muito sangue e, onde está sedada e ainda corre risco de morte”.

De acordo com o boletim de ocorrência, o médico afirmou que durante o procedimento, não foi introduzido nenhum medicamento na vagina da paciente, o que pode sugerir um aborto.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'
LARANJADA
Deputados do PSOL distribuem laranjas na chegada de Bolsonaro à Câmara
AMOR A PROFISSÃO
Pedreira caprichosa viraliza com trabalho detalhista e ganha novos clientes
FÁTIMA DO SUL - O BOTICÁRIO
O Boticário apresenta Quasar Brave, venha conferir no O Boticário em Fátima do Sul
SUPERAÇÃO
Jovem que morou 5 anos nas ruas se forma em Direito