Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
sábado, 23 de fevereiro de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Famílias atingidas pela seca receberão auxílio do Governo

26 Jul 2004 - 07h19
Mais de 60 mil famílias que tiveram prejuízos com a seca na região sul do país e no Mato Grosso do Sul serão beneficiadas com o Bolsa Estiagem. Os ministérios da Fazenda e do Desenvolvimento Agrário publicaram no Diário Oficial da União (DOU) a lista completa das 549 cidades que serão beneficiadas.

O valor da bolsa é de R$ 300 e será pago de uma só vez. Para financiar esse auxílio, o governo irá desembolsar um total de R$ 207 milhões.

Na lista publicada nesta sexta-feira ainda foram incluídas mais cinco cidades que não constavam na relação de atingidos pela seca, mas segundo divulgou o MDA, estas cidades “tiveram suas perdas reconhecidas” e também serão atendidas pelo governo. Estas cidades são: Palmital (PR), Charqueadas (RS), Cerro Grande do Sul (RS) Dom Feliciano (RS) e Seara (SC).

Os agricultores familiares que buscaram financiamento junto ao Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) também poderão ter acesso ao recurso. Outros 25 municípios de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul também estão na lista de beneficiados por conta das perdas na safra de milho.

O cadastramento das famílias que serão atendidas pelo Bolsa Estiagem começará nas próximas semanas. O governo ainda não definiu a entidade que será responsável pelo pagamento e nem os detalhes para o cadastramento. Segundo a assessoria de imprensa do MDA, essas informações devem ser divulgadas nos próximos dias.
 
Agência Brasil

Deixe seu Comentário

Leia Também

CORTE CEGO
Megaoperação da PM em 18 bairros tem três mortos e cinco feridos
PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico
REFORMA DA PREVIDÊNCIA
Aposentadoria é para viver, não para receber só à beira da morte
CHANTAGEM
Ladrões invadem estabelecimentos, obrigam funcionárias a tirarem a roupa, filmam e extorquem vítimas
FORAGIDO
Atirador invade escritório de advocacia e mata duas pessoas
BBB 19
Rízia chora por estar acorrentada: 'Vontade de desistir'