Menu
SADER_FULL
segunda, 19 de agosto de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Faltam remédios para transplantados no Estado

14 Ago 2004 - 09h47
Cerca de 380 pacientes transplantados de Mato Grosso do Sul estão sem medicamentos importantes para evitar rejeição nos transplantes de rim, fígado e coração.

Os remédios que estão em falta são o “Cell cept” e o “Progaf”, que eram entregues pela Casa da Saúde, em Campo Grande. O custo de cada medicamento é, em média, mais de mil reais a caixa. De acordo com o presidente da Associação dos Renais Crônicos e Transplantados (Recromassul), Gesilvado Carlos, está sendo feita alteração do “Progaf” pelo “Cicrosporina”.

“Quem é medicado com o “Progaf”, geralmente o organismo não aceitou o “Cicrosporina”.

Outro problema que afeta quem ainda faz hemodiálise é o “Hemax” , que já está acabando, segundo o presidente da Recromassul. Aqui no Estado, são mais de mil pacientes na fila da espera por transplante.

De acordo com a assessoria de imprensa da Secretaria de Saúde, os remédios devem ser entregues na semana que vem. “Para quem precisa de dois comprimidos por dia, a espera pode ser comprometedora”.
 
RMT Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

AGORA DEU MEDO
Velório é interrompido após morto 'apertar' mão da esposa
TRAGEDIA NA RODOVIA
Três pessoas morrem em acidente envolvendo carro e caminhão na BR-277
FATALIDADE
Jovem mulher morre ao levar choque usando o secador de cabelos
ABSURDO - BRASIL
Mulher mata o marido a facadas e leva pênis para a amante dentro de um copo
MORTE E COMOÇÃO
Jovem caminhoneira morre em acidente e comove colegas de toda a região
FACULDADE
Irmãs estudantes de engenharia vendem doces nos trens do Rio para se sustentar
MUITA FUMAÇA
Crianças passam mal em incêndio que dura três dias
VICENTINENSE DE CORAÇÃO
Após 30 anos dividindo palco, Erika Figueiredo aposta no solo e lança clipe, ASSISTA
SIAMESAS
Mulher dá à luz gêmeas siamesas de 3,700KG as duas
ACIDENTE DE TRABALHO
Homem morre ao ser puxado por colheitadeira quando fazia limpeza