Menu
SADER_FULL
terça, 13 de novembro de 2018
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Exportações simplificadas cresceram 53% em 2006

28 Abr 2007 - 04h11
As exportações feitas de forma simplificada --que utilizam os Correios para vender, por exemplo- cresceram mais de 50% no ano passado. A elevação foi causada, principalmente, pelo aumento do limite dessas operações, que passou de US$ 10 mil para US$ 20 mil no início de 2006. Com isso, as exportações limitadas a esses valores chegaram a US$ 337,8 milhões em 2006, um crescimento de 53% em relação ao ano anterior.

O crescimento expressivo fez com que o Ministério do Desenvolvimento passasse a considerar essas exportações na base da balança comercial. Os valores do total de exportações e do saldo comercial foi corrigido desde 1999, quando teve início a DSE (Declaração Simplificada de Exportação). No entanto, a mudança não é expressiva para o saldo comercial. No superávit do ano passado passou de US$ 46,074 bilhões para US$ 46,411 bilhões.

O crescimento das vendas ao exterior por meio das declarações simplificadas continua neste ano, embora em um ritmo menor, US$ 83,091 milhões, aumento 17,4% e com isso o saldo passa para de US$ 8,698 bilhões para US$ 8,781 bilhões.

"As exportações com DSE estão crescendo muito depois do aumento do limite para US$ 20 mil. Verificamos agora um aumento de quase quatro mil empresas na nossa base de exportadores", disse Armando Meziat, secretário de Comércio Exterior.

O número de empresas que exportou só por DSE no ano passado totalizou 3.776. Ao incluir essas micro e pequenas empresas na base de exportadoras, o total de empresas sobe para 20.591.

Diversificação

A pauta de produtos exportados por essas operações é bem diversificada. A maior parte (5,6%) das vendas é de autopeças. em segundo lugar aparece vestuário feminino, que representa 4,3% do total das exportações por meio de DSE. Em seguida, rolamentos e engrenagens (3,8%), joalheria (3%) e aparelhos de interrupção de energia (2,8%).

Do perfil das empresas, a maior parte é de micro e pequenas (67%). Elas foram responsáveis por 41% do total exportado de forma simplificada.

Há uma declaração simplificada para as importações limitadas a US$ 3 mil. Não há previsão para incluir essas informações na base de dados da balança comercial.
 
 
 
 
Folha Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

ACIDENTE DE TRANSITO
Caminhão passa por cima de veículos e explode em grave acidente
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Marilda (Letícia Spiller) é flagrada nua e finge ser uma assombração
BNDS
“Se não abrir a caixa preta do BNDES, está fora!”, diz Bolsonaro sobre Levy
FAMOSIDADES
Susana Vieira está com leucemia, mas a doença está controlado, diz assessoria
NOVELA GLOBAL
Marina Ruy Barbosa é a heroína de 'O sétimo guardião': 'Luz foge do tradicional'
CONSTRANGIMENTO
Claudia Leitte quebra silêncio e desabafa sobre polêmica com Silvio Santos
OPORTUNIDADE DE EMPREGO
Concursos oferecem mais de 1 mil vagas e salários de até R$ 6,6 mil no MS
NOVA EQUIPE
Bolsonaro intensifica processo de transição esta semana em Brasília
ESPORTE EM TOUROS
VÍDEO: Peão de MS morre após ser pisoteado por touro em rodeio no interior de SP
ULTIMO CAPITULO
Globo exibe último capítulo de Segundo Sol e assunto bomba