Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 21 de março de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Exército monta barreiras na fronteira do Estado

30 Ago 2004 - 07h00
O Exército está ajudando os fiscais da Agência Estadual de Vigilância Sanitária Animal e Vegetal (Iagro), a fazer barreiras em toda a faixa de fronteira. A preocupação é com a entrada de gado paraguaio no Brasil.

Os técnicos querem impedir que a febre aftosa ataque os rebanhos de Mato Grosso do Sul. Foram montadas duas barreiras na cidade de Paranhos, uma em Coronel Sapucaia, Aral Moreira e Sete Quedas. A operação Boiadeiro IV conta ainda com o reforço da Polícia Militar.

De acordo com a assessoria de imprensa, o número do efetivo de homens vai depender do planejamento da Iagro, que deve ser repassado ainda nesta semana.

“Já apoiamos a fiscalização em anos anteriores e, a média é 150 homens”, explicou o major Marco Antonio de Freitas Coutinho, chefe da seção de comunicação social do CMO.

O Comando disponibiliza viaturas para os fiscais, além de montar barracas, fornecer água e gerador. “Também oferecemos o serviço de inteligência, que pode ajudar a apontar rotas clandestinas de tráfego de gado”, concluiu.
 
TV Sulamerica

Deixe seu Comentário

Leia Também

FÁTIMA DO SUL - O BOTICÁRIO
Confira algumas das promoções que O Boticário tem para você em Fátima do Sul
LAVA-JATO
Michel Temer é preso pela Lava Jato; PF faz buscas por Moreira Franco
SORTUDO
Aposta única fatura R$32,7 milhões na Mega-Sena
DESCASO
Bebê morre após parto feito pelo pai em ambulância sem médico
FAMOSIDADES
Aos 58 anos, atriz Tássia Camargo sofre infarto e está na UTI de Hospital em Portugal
ASSÉDIO SEXUAL
Homem é morto a tiros após assediar mulher casada
FATALIDADE
Mulher morre ao cair de pé de abacate e bater cabeça na linha do trem
MANIACO SEXUAL
Pai flagra estupro da filha dentro de casa usando o celular, suspeito foi preso
FAMOSIDADES
Quem era Bettina antes do R$ 1 Milhão: Ela foi professora de balé, modelo e panfleteira
MENTOR DO MASSACRE
Polícia de Suzano apreende menor suspeito de planejar ataque