Menu
LIMIT ACADEMIA
segunda, 15 de outubro de 2018
SADER_FULL
Busca
SICREDI_FATIMA
Brasil

Eurico Miranda condenado a 18 meses de prisão

15 Jul 2004 - 07h39
O presidente do Vasco da Gama, Eurico Miranda, foi condenado, nesta quarta-feira, a um ano e meio de prisão por se negar a entregar documentos do clube a uma comissão do Congresso que há quatro anos investigou atos de corrupção no futebol brasileiro.

A sentença foi ditada pela juíza Valéria Caldi Magalhães, mas por se tratar de uma decisão em primeira instância poderá ser apelada por Eurico Miranda, que é suspeito de ter construído uma fortuna com negócios de legalidade duvidosa feitos através do clube.

Miranda, que na época da investigação tinha imunidade parlamentar por sua condição de deputado federal, não deu a menor importância à decisão da juíza.

"Não fui informado oficialmente e, claro, vou apelar dessa sentença", declarou Eurico Miranda em Porto Alegre, onde se encontrava em uma visita de negócios.

 

Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSASSINATO
Rapaz agride avós de adolescente que não quis namorar com ele; avó morreu
TRAGEDIA NA RODOVIA
Carro ocupado por sete pessoas se envolve em acidente; cinco morreram
REVOLTANTE
Menina de 11 anos é estuprada por detento ao visitar irmão em presídio
ACIDENTE FATAL
Douradense morre em acidente no RS
REALITY SHOW
A Fazenda 10: Ana Paula é eliminada e se manifesta contra Bolsonaro
FACÇÃO CRIMINOSA
Decapitada por Satã do PCC, jovem morreu por exigir respeito após roubo de chinelo
REVISTA VEJA
Pesquisa: Bolsonaro tem 54% dos votos válidos; Haddad, 46%
A FAZENDA
Fazendeiro Evandro Santo gera nova punição
COPA DO BRASIL
Corinthians promete maior prêmio de sua história por título
VIOLENCIA
Jovem não reage a assalto mesmo assim é baleado dentro de ônibus