Menu
SADER_FULL
domingo, 15 de setembro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Eurico Miranda condenado a 18 meses de prisão

15 Jul 2004 - 07h39
O presidente do Vasco da Gama, Eurico Miranda, foi condenado, nesta quarta-feira, a um ano e meio de prisão por se negar a entregar documentos do clube a uma comissão do Congresso que há quatro anos investigou atos de corrupção no futebol brasileiro.

A sentença foi ditada pela juíza Valéria Caldi Magalhães, mas por se tratar de uma decisão em primeira instância poderá ser apelada por Eurico Miranda, que é suspeito de ter construído uma fortuna com negócios de legalidade duvidosa feitos através do clube.

Miranda, que na época da investigação tinha imunidade parlamentar por sua condição de deputado federal, não deu a menor importância à decisão da juíza.

"Não fui informado oficialmente e, claro, vou apelar dessa sentença", declarou Eurico Miranda em Porto Alegre, onde se encontrava em uma visita de negócios.

 

Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSASSINATO
PM é torturado e morto após circular boato de que seria 'estuprador'
JULGAMENTO
PMs acusados de chacina taparam câmera de segurança antes do crime
CASO DE POLÍCIA
Catador de reciclável recebe mochila com bebê congelado dentro
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo morre após carro bater em árvore em rodovia de MS
FAMOSOS
David Brazil causa ao expor bumbum de Anitta sem ela saber
ACIDENTE FATAL
Câmera de segurança registrou acidente fatal de enfermeira. VEJA O VÍDEO
MONSTRUOSIDADE
Homem que matou mãe e filha em Cascavel escreveu carta. Bebê tomou mamadeira “batizada”
ESTUPRO DE VULNERÁVEL
Mulher e marido são presos suspeitos de estuprar menina de 11 anos que dormia na casa deles
SUPERSTIÇÃO
Primeira sexta-feira 13 do ano com noite de lua cheia pode ser perigosa, alerta taróloga
ESPORTE
Poderá o poker se tornar olímpico?