Menu
LIMIT ACADEMIA
sexta, 17 de agosto de 2018
SADER_FULL
Busca
DR. SHAPE
Brasil

Eurico Miranda condenado a 18 meses de prisão

15 Jul 2004 - 07h39
O presidente do Vasco da Gama, Eurico Miranda, foi condenado, nesta quarta-feira, a um ano e meio de prisão por se negar a entregar documentos do clube a uma comissão do Congresso que há quatro anos investigou atos de corrupção no futebol brasileiro.

A sentença foi ditada pela juíza Valéria Caldi Magalhães, mas por se tratar de uma decisão em primeira instância poderá ser apelada por Eurico Miranda, que é suspeito de ter construído uma fortuna com negócios de legalidade duvidosa feitos através do clube.

Miranda, que na época da investigação tinha imunidade parlamentar por sua condição de deputado federal, não deu a menor importância à decisão da juíza.

"Não fui informado oficialmente e, claro, vou apelar dessa sentença", declarou Eurico Miranda em Porto Alegre, onde se encontrava em uma visita de negócios.

 

Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

TECNOLOGIA
Segunda via do RG pode ser solicitada pela internet
BOA AÇÃO
Empresário curado faz doação milionária para hospital público
VIOLENCIA
Homem desce do carro e mata mulher com tiro a queima roupa
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Laureta confessa que matou Remy; Karola foi cúmplice
PRESO EM 2010
Morre o homem apontado como maior contrabandista de cigarros do País
ELEIÇÕES 2018 - REGISTRO FEITO
AGORA: PT registra candidatura de Lula e tem até 17 de setembro para trocar candidato
BRIGA DE FAMILIA
Briga de irmãos termina com faca cravada na cabeça de jovem adolescente
NOVELA GLOBAL
Em 'Segundo sol', Zefa rompe com Severo: 'Você não merece nada de bom de mim!'
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Roberval é traficante de diamante
NOVELA DA RECORD
Herodíade diz que foi agarrada por Batista e Joana a chama de mentirosa.