SUCURI_MEGA
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 19 de Fevereiro de 2018
SADER_FULL
UNIPAR_468
1 de Junho de 2010 07h45

Estimativa de analistas para crescimento da economia chega a a 6,47%

Agência Brasil

A estimativa de analistas do mercado financeiro para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), soma de todos os bens e serviços produzidos no país, neste ano, oscilou de 6,46% para 6,47%. Para 2011, foi mantida a expectativa de expansão de 4,50%. As informações constam do boletim Focus, publicação semanal do Banco Central (BC) elaborada com base em projeções de analistas para os principais indicadores da economia.

Essas estimativas para o crescimento econômico são importantes tanto para as empresas quanto para os trabalhadores. No caso das empresas, servem como indicativo de qual será a demanda pelos seus produtos. Já para os trabalhadores, as projeções sobre o PIB têm a ver com a disponibilidade de emprego e até mesmo com as perspectivas salariais do mercado de trabalho.

Além da projeção para o PIB, consta do boletim Focus a expectativa para a produção industrial, que neste ano deve ter crescimento de 11%, contra os 10,90% previstos anteriormente. Para o próximo ano, a estimativa de expansão da produção industrial foi mantida em 5%.

A projeção para a relação entre a dívida líquida do setor público e o PIB foi alterada de 41% para 41,10%, em 2010, e de 39,50% para 39,70%, em 2011.

A expectativa para a cotação do dólar permaneceu em R$ 1,80, neste ano, e em R$ 1,85, em 2011.

A previsão para o superávit comercial (saldo positivo de exportações menos importações) foi ajustada de US$ 14,54 bilhões para US$ 15 bilhões, neste ano, e permaneceu em US$ 4,5 bilhões, em 2011.

Para o déficit em transações correntes (registro das transações de compra e venda de mercadorias e serviços do Brasil com o exterior) neste ano, os analistas alteraram a estimativa de US$ 48,05 bilhões para US$ 48,10 bilhões. Para 2011, foi ajustada a projeção de déficit de US$ 57 bilhões para US$ 57,97 bilhões.

A expectativa para o investimento estrangeiro direto (recursos que vão para o setor produtivo do país) passou de US$ 37 bilhões para US$ 36,50 bilhões, neste ano. Para 2011, foi mantida a previsão de US$ 40 bilhões.

Comentários
Veja Também
UNIPAR_300
LISTINHA_ONLINE
LÉO_GÁS_300
Últimas Notícias
  
LIMIT ACADEMIA_BOTTON
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.