SUCURI_MEGA
FatimaNews - Notícias de Fátima do Sul e região
Fátima do Sul, 23 de Outubro de 2017
DELPHOS_FULL
4 de Agosto de 2004 07h41

Esposa de vereador recebia Bolsa-Família em Minas Gerais

Uma denúncia provocou o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome a determinar, pela primeira vez após a implantação do Bolsa-Família (em outubro de 2003), que um município confirme dados de renda auto-declarados das famílias do cadastro único.

O órgão descobriu que Marly Ferreira Severino, esposa do vereador Antônio Soares Severino, de Ubaporanga, em Minas Gerais, recebia R$ 80 mensais do Bolsa-Família. O salário de Severino (PMDB) é de R$ 851,58.

Para ter direito ao benefício, a família tem de ter renda mensal per capita de até R$ 50, além de estar inscrita no cadastro único. O beneficiário não precisa comprovar a renda declarada no ato do cadastramento.

 

Terra Redação

O Governo enviou ofício ao prefeito de Ubaporanga, Norberto Emídio de Oliveira Filho, dando prazo de 90 dias para que verifique se a renda das 832 famílias inscritas é compatível com a declarada. O Governo ainda não sabe quanto foi desviado. Também foram detectadas falhas na distribuição de senhas para beneficiados de Carolina e Riachão, no Maranhão.

Comentários
Veja Também
LIMIT ACADEMIA_BOTTON
FORTALEZA
REINO_MATRÍCULAS_2017
Últimas Notícias
  
HERBALIFE_300
Eventos
dothCom © Copyright FatimaNews - Todos os Direitos Reservados.