Menu
PASSARELA
sexta, 22 de junho de 2018
SADER_FULL
Busca
DR. SHAPE
Brasil

Escritores de MS podem ser prestigiados através de projeto

24 Set 2004 - 17h14

Os escritores de Mato Grosso do Sul podem ter suas obras incluídas obrigatoriamente na disciplina de Literatura através de sugestão dos professores que lecionam nas escolas da Reme (Rede Municipal de Ensino), conforme projeto de lei de autoria da vereadora Magali Picarelli, líder do PTB na Câmara da Capital. Caberá à Semed (Secretaria Municipal de Educação) definir o conteúdo, programa, obras e autores a serem indicados ao público infantil, de acordo com texto da matéria.

 Magali comenta que a inclusão de livros de escritores regionais, como prioridade na disciplina de Literatura, visa estimular os alunos das escolas municipais de Campo Grande a conhecer a história sul-mato-grossense. “Desta forma a cultura regional vai estar sendo amplamente valorizada”.

Para Edineide Dias, professora de canto do curso de Música da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) e autora do livro ‘Registro de Lendas e Estórias Terena’, a proposta é interessante, afinal, tende a mostrar também um pouco da realidade do Estado. “É muito legal os alunos poderem conhecer um pouco dos escritores de Mato Grosso do Sul. Isso faz com que nosso trabalho seja valorizado, além de fazer com que os estudantes estejam cientes dos excelentes escritores e poetas que existem aqui”.

Na opinião de Otávio Augusto Lacerda, autor do livro ‘Entendendo o Pantanal’, o projeto de lei é “espetacular, já que, contribui sobremaneira no sentido enriquecer a cultura do nosso Estado. No caso desta obra, ainda mais, afinal, ela trata do dialeto pantaneiro e é importante as crianças saberem um pouco disso”.

Autora da coletânea infanto-juvenil ‘Tuiuiú – Para Sonhar e Pensar o Pantanal Sul-Mato-Grossense’, patrocinada pelo FIC (Fundo de Investimentos Culturais), Sandra Andrade acredita que “o projeto é importante para o município e mais ainda para nós escritores. O aluno precisa ter acesso à cultura regional”.

“Nosso Estado é rico em literatura e conta com ótimos escritores. Acredito que os professores devem estimular esses escritores ao pedir para que seus alunos leiam estas obras. Dessa forma estarão propiciando uma boa apreciação da literatura regional de Mato Grosso do Sul”, concretiza a petebista.

O projeto de lei é o 5.496/03.

 

 

 

Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVELA GLOBAL
Segundo Sol: Rosa coloca fim em relação com Ícaro e ele toma atitude
SAUDE
Mulher dá a luz em calçada no Cajuru
FAMOSIDADES
Ex-apresentadora do ‘Vídeo show’, Alinne Prado sofre assalto a mão armada dentro de casa
RELIGIÃO
Padre é flagrado dando tapa em criança durante batismo
APOCALIPSE
André (Sidney Sampaio) é assassinado por Ricardo (Sérgio Marone)
DEMORA
Diesel cai R$ 0,62 em distribuidoras e apenas R$ 0,32 nos postos de MS
Brasil
Terceiro homem que assediou russa na Copa diz que “estão transformando um copo d’água em uma tempestade”
‘Alta Pressão’
Exército deflagra Operação para fiscalizar armamento e reduzir desvios para o comércio ilegal
COLÉGIO DELPHOS - BOLSAS DE ESTUDOS
Colégio Delphos Nota 10 oferece provas para bolsas de estudos neste sábado em Dourados
UNIPAR - EAD - DOURADOS
Unipar EAD com pós-graduação e 25 cursos a distância com mensalidade acessíveis agora em Dourados