Menu
CÂMARA BONITO SETEMBRO
quinta, 19 de setembro de 2019
CACAU SHOW FÁTIMA DO SUL 0
Busca
UNIGRAN NET
Brasil

Erva-mate, pode virar o novo filão econômico

7 Mai 2007 - 10h32
O consumo do Chá Mate Leão líquido está crescendo em todo o Brasil. Atenta à esta realidade, a The Coca-Cola Company teria acabado de adquirir mais esta famosa marca, conforme informações levantadas pelo jornal Diário MS junto a um funcionário do alto escalão da Coca-Cola, no Brasil. Segundo ele a informação é “confidencial”, mas é uma realidade.

O investimento para a compra da marca Chá Mate Leão não foi divulgado, mas também foi justificado diante do crescimento do consumo de novas bebidas, sucos e refrescantes, e dos altos investimentos feitos pelas empresas que atuam no setor de bebidas refrescantes.

A Coca está presente em mais de 200 países, e atualmente responde por mais de 400 marcas de bebidas não-alcoólicas. Porém, a Coca-Cola “acordou” para o fato de que, milhares de pessoas do Brasil e exterior, que antes consumiam exclusivamente os produtos Coca-Cola, agora estão ingerindo o Chá Mate Leão líquido, já prontos, principalmente com os novos sabores de limão, maçã, entre outros.
Noutro levantamento feito pela reportagem do jornal foi constatado também que o Grupo Femsa, através da Femsa Cervejaria, dono das marcas Sol e Tecate detém 40% do mercado mexicano e com grande presença no mercado norte-americano, desembolsou US$ 68 milhões na compra de 68% da Kaiser, sendo também dona de várias indústrias fabricantes da Coca-Cola no Brasil, recentemente, comprou a Panamco Spal, e assumiu a distribuição dos refrigerantes Coca-Cola em São Paulo.

No geral, a Femsa, de acordo com levantamentos até o final do ano passado, teve faturamento de US$ 8 bilhões, possuindo 30 engarrafadoras, 235 centros de distribuição, 64 marcas de refrigerantes, 15 marcas de cerveja, 56 mil funcionários e presença em 9 países. No total são 97.770 colaboradores e 2 milhões de pontos de vendas na América Latina.

Na disputa pelos negócios da Coca-Cola Company e do Grupo Femsa constam a compra também da Suco Mais e Suco Del Valle. Contudo, é o consumo de chá mate líquido que tem chamado a atenção, inclusive de industriais e investidores de outros setores, tendo em vista que a Coca-Cola e os sucos em questão têm custo alto para os consumidores, levando a maioria a preferir o consumo do chá mate. Aliás, a bebida está se tornando a preferida, primeiro pelo menor custo e depois pelo gosto saudável e novos sabores.

 

Dourados News

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSIDADES
Antes de beijos em boate,Anitta convidava bailarina para apimentar relação com Scooby
AFRONTA
Modelo brasileira posa nua e quase é presa na Coreia do Norte
VIOLENCIA
Em manhã com cinco mortos, menino lamenta não poder sair de casa
TURISMO E DESCANSO
6 praias brasileiras para visitar antes de morrer
GASOLINA SEM REAJUSTE
Sinpetro diz que não haverá reajuste imediato no preço dos combustíveis
NOVELA GLOBAL
Em 'A dona do pedaço', Régis se aproxima de Maria da Paz, que fica mexida com ex
ALTOS HONORÁRIOS
Advogados cobram R$ 4,4 milhões de Viúva da Mega-Sena em honorários na Justiça
TRAGEDIA
Pai tenta salvar filho em incêndio, mas os dois morrem
MUNDO MEDONHO
'Pago boleto, compro calcinha': usuários de aplicativos de paquera relatam apuros e curiosidades
FAMOSIDADES
Belo sai de casa após flagrar traição de Gracyanne