Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 22 de agosto de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Erro médico teria provocado morte de Cássia Eller

26 Out 2004 - 07h15
Os promotores de Justiça Fernando Chaves e Flávia Ferrer, da assessoria criminal do Ministério Público, remeteram ontem para a promotoria de investigação penal o processo sobre a morte de Cássia Eller, apontando erro médico como causa da morte da cantora.
 

Segundo informações do jornal O Dia, a perícia realizada pelo Ministério Público Estadual aponta que o atendimento dado a Cássia foi contra-indicado para eventual uso de álcool ou outro tipo de droga. O estudo foi feito pelas peritas Eliani Spinelli, da Coordenadoria de Justiça Terapêutica do MP, e Tânia Donati, do Grupo de Apoio, informa o jornal.

Os médicos da Casa de Saúde Santa Maria, em Laranjeiras, onde a cantora foi socorrida em 29 de dezembro de 2001, teriam ministrado o medicamento Plasil, o que, segundo as peritas, pode ter provocado a parada cardíaca.
 

 

Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

FATALIDADE
Menina de 7 anos é atacada por pitbull e morre na casa dos avós
CRIMINOSO FORAGIDO
Ataque com machadinha deixa alunos e professora feridos em escola
POLEMICA II
Após polêmica, deputado diz que não existe PL de poliamor ou casamento entre mães e filhos
CONFISSÃO
Filhos investigam e descobrem que pai matou a mãe há 37 anos
MAL SUBITO
Policial militar tem mal súbito e morre no mesmo dia que descobriu que seria pai
NOVELA GLOBAL
Régis oferece vender loja para dar dinheiro a Maria da Paz em 'A dona do pedaço'
POLÊMICA
Vale Tudo: projeto libera casamento entre mães e filhos e revolta MS
100 VERBAS
Emissão de CPF e restituição do IR podem ser suspensas pela Receita
100 PENA
'Não tem que ter pena', diz Jair Bolsonaro sobre uso de atirador de elite após sequestro de ônibus
ACIDENTE TRÁGICO
Morte de três profissionais em acidente comove a cidade