Menu
SADER_FULL
domingo, 20 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Enersul propõe redução de 3,014% na tarifa e desagrada CPI

25 Ago 2007 - 08h12

Redução de 3,014% nas tarifas de energia elétrica para os consumidores residenciais. Essa foi a proposta apresentada, na reunião de hoje(24/08), pelos representantes da Enersul a Comissão Parlamentar de Inquérito da Assembléia Legisaltiva que investiga o alto custo da energia em Mato Grosso do Sul.

Segundo o diretor de regulação da empresa de energia, José Simões Neto, o percentual de 5% proposto pela CPI não foi possível devido a impactos econômicos e financeiros. "Houve concordância dos acionistas, foi feito tudo com muita cautela para chegar a esse valor", explicou Simões. A empresa propôs ainda uma redução de 5% nas tarifas de energia dos consumidores industriais que optarem pela interruptibilidade, o qual prevê a interrupção do fornecimento de energia elétrica por até seis horas por mês.
 
Insatisfeito, o relator da CPI, deputado estadual Marquinhos Trad(PMDB), sugeriu extensão de prazo para que a empresa estude uma proposta maior. "Após um estudo técnico, apresentamos o percentual de 5% que não abalaria economicamente e financeiramente a Enersul", afirmou o parlamentar. Para o relator, a diminuição do custo de energia tem que alcançar o índice mínimo de 3,46%, que foi o valor do reajuste realizado pela empresa de energia no semestre passado.

O presidente da CPI, deputado Paulo Corrêa(PL), acatou a sugestão do relator e estendeu o prazo para a próxima quinta-feira, dia 30, quando será realizada uma nova reunião com os representantes da Enersul às 11h na Assembléia Legislativa. Antes disso, na quarta-feira(29), o presidente da Comissão irá se reunir com a Federação das Indústrias para análise da proposta da empresa.

 

 

Dourados News

Deixe seu Comentário

Leia Também

PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos
ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos
LUTO NA MÚSICA
Cantor sertanejo Marciano morre aos 67 anos, vítima de enfarto
CARNAVAL É NO CAMPO BELO RESORT
Carnaval é no Campo Belo Resort, reserve já seu lugar nesse bloco - Confira os pacotes
MS EM ALERTA
Meteorologia alerta para a possibilidade de chuva forte no fim de semana no MS