Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
quinta, 22 de agosto de 2019
SADER_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Em MS, mais de 20 mil portes de arma estão sem validade

22 Set 2004 - 09h28
A partir desta quarta-feira, cerca de 20.250 pessoas que possuem porte de armas de fogo em Mato Grosso do Sul perdem o direito.
Todos os portes de armas em circulação no país, expedidos pela Polícia Federal ou pelas polícias estaduais, venceram ontem. Fica proibido circular com armas. A partir de agora, para conseguir um novo porte ou renovar o atual, o interessado precisará se submeter às regras do Estatuto do Desarmamento, entre elas ter mais de 25 anos de idade, ter profissão de risco ou estar sob ameaça. As pessoas interessadas terão que comprovar, apresentar documentos ou provas junto a Polícia Federal da real necessidade do uso de arma, para tentar obter esse porte. A pena para quem portar arma de fogo ilegalmente é de dois a quatro anos de reclusão e multa. O crime é inafiançável.

 

 

Grande FM



Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVELA GLOBAL
Chiclete conta a Vivi a verdade sobre sua vida de matador em 'A dona do pedaço'
DUPLO ASSASSINATO
Vereador e filho foram assassinados dentro de casa
FATALIDADE
Menina de 7 anos é atacada por pitbull e morre na casa dos avós
CRIMINOSO FORAGIDO
Ataque com machadinha deixa alunos e professora feridos em escola
POLEMICA II
Após polêmica, deputado diz que não existe PL de poliamor ou casamento entre mães e filhos
CONFISSÃO
Filhos investigam e descobrem que pai matou a mãe há 37 anos
MAL SUBITO
Policial militar tem mal súbito e morre no mesmo dia que descobriu que seria pai
NOVELA GLOBAL
Régis oferece vender loja para dar dinheiro a Maria da Paz em 'A dona do pedaço'
POLÊMICA
Vale Tudo: projeto libera casamento entre mães e filhos e revolta MS
100 VERBAS
Emissão de CPF e restituição do IR podem ser suspensas pela Receita