Menu
LIMIT ACADEMIA
quarta, 23 de janeiro de 2019
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Em Dourados, sessão da Câmara termina em pancadaria

14 Jul 2007 - 10h45
Terminou em confusão e pancadaria a sessão extraordinária da Câmara Municipal de Dourados realizada na tarde de ontem para "limpar a pauta" antes do recesso de julho. O motivo do tumulto foi uma faixa com os dizeres "Vereadores traidores do Povo", citando os nomes de Paulo Henrique Bambu (PSC), Eduardo Marcondes (PMDB), Sidlei Alves (DEM) e Carlinhos Cantor, Edson Lima e Laudir Munaretto, estes três últimos filiados ao PR.

A faixa foi colocada por dois membros do Diretório Central de Estudantes da UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados) contra os vereadores que subscreveram e aprovaram, na sessão ordinária da última terça-feira, projeto de lei substitutivo que permite às usinas de álcool queimar a palha da cana-de-açúcar até 2009.

Os estudantes defendiam outro projeto, de autoria do vereador Elias Ishy (PT), que proibia a queimada de cana imediatamente. Com a aprovação do projeto subscrito pelos seis vereadores, o projeto de Ishy ficou prejudicado nem entrou em votação. De acordo com o regimento interno da Câmara, os projetos substitutivos são colocados em votação antes que os originais.

O presidente da Câmara, Carlinhos Cantor, pediu aos seguranças que retirassem a faixa, que considerou ofensiva aos vereadores. Houve tumulto e cabo-de-guerra, com estudantes e sindicalistas puxando a faixa de um lado e os seguranças da Câmara de outro.

Na confusão, o presidente do DCE, Alceu Júnior Bittencurt, 23 anos, o estudante universitário Ângelo Luiz de Lima Tetila, 27 anos, e os seguranças Márcio Delarrisa Soares, 34 anos e Manoel de Oliveira Santos, 41, sofreram ferimentos leves.

A sessão foi suspensa até a situação ser controlada. Os trabalhos só foram reiniciados após a chegada de equipes da Polícia Militar e da Guarda Municipal. A faixa acabou sendo retirada.

 

 

Correio do Estado

Deixe seu Comentário

Leia Também

ANJO DA GUARDA
Amigo dá lar a mulher que viveu 40 anos internada no HC
MAMATA
General corta contratinho de R$ 30 milhões para manter jornalistas no exterior
PERSISTÊNCIA
Filho de faxineira e porteiro passa em medicina no Paraná
RENOVAÇÃO LICENÇA
Extinção de mais 130 rádios comunitárias no Brasil deve alcançar emissora de Ponta Porã
CENAS FORTES
Vídeo flagra mulher sendo agredida por ex-marido com socos e chutes
GUERRA NO RJ II
Parentes de mortos durante chacina em São Gonçalo e Itaboraí dizem que vítimas eram inocentes
GUERRA NO RJ
Chacina deixa pelo menos 7 mortos na Região Metropolitana do Rio
BBB 19
Famosos protestam contra Maycon por agredir animais e mãe o defende: 'Não é um monstro'
MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel