Menu
LIMIT ACADEMIA
sábado, 16 de fevereiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Em discussão, homem agride namorada com golpe de facão

19 Out 2010 - 07h38Por Campo Grande News

Maria Cristina Ezidio, 29 anos, foi ferida em um dos punhos por um golpe de facão desferido pelo namorado Gilberto Francisco de Amaral, 35 anos, por volta das 18h10 de ontem, numa casa localizada na rua Anselmo Selingardi, no Parque do Lageado, em Campo Grande.

Em ocorrência registrada no Cepol (Centro Especializado de Polícia da Capital) consta a informação de que a Polícia Militar recebeu chamado para comparecer ao local e quando lá chegou se deparou com Maria Cristina ferida.

Gilberto se aproximou dos policiais, identificou-se e assumiu ter lesionado a namorada com um golpe de facão. Ela foi conduzida ao Pronto Socorro do Jardim Aero Rancho, mas devido à gravidade do ferimento, o médico que a atendeu sugeriu que Maria Cristina fosse encaminhada a outra unidade de saúde, contudo, depois de ser medicada ela foi liberada.

Já Gilberto foi levado ao Cepol e alegou ter agido em legítima defesa, mas não informou o motivo que o levou a ferir a namorada com um golpe de facão.

Ocorrências - Maria Cristina possui diversas passagens pela polícia, tanto como vítima quanto autora. Em duas delas ela figura como vítima de violência doméstica, em uma como testemunha de homicídio ocorrido em 18 de março de 2006. Já no dia 10 de agosto do ano passado ela teria agredido uma vendedora de lanches de 39 anos na companhia de mais três amigas, no Parque do Lageado.

Gilberto tem duas passagens na polícia de Campo Grande por violência doméstica contra uma ex-mulher dele. Ambas foram registradas pela vítima em agosto do ano passado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OUTROS 10 ESTADOS
Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário
HORARIO DE VERÃO
Atrase seu relógio! Horário de verão termina neste sábado(16)
CARCERE PRIVADO
Mulher é chicoteada com fio elétrico pelo marido
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Lutador de MMA mata ex de 16 anos, tenta suicídio e morre horas depois em hospital
VIOLENCIA NO RIO
Menina de 11 anos é baleada e morta em Triagem; moradores protestam
DOENÇA GRAVE
Leiliane ganha acompanhamento médico após desastre com Boechat