Menu
SADER_FULL
segunda, 21 de janeiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Em dia fraco, dólar volta a fechar abaixo de R$ 2,02

11 Mai 2007 - 16h44
O dólar voltou a fechar abaixo de R$ 2,02 nesta sexta-feira, após uma sessão de poucas variações e que contou com uma atuação mais amena do Banco Central. A moeda norte-americana recuou 0,20% e encerrou a R$ 2,019. A cotação é a mesma registrada na última quarta-feira, quando o dólar fechou no menor valor desde fevereiro de 2001. Na semana, a divisa acumulou baixa de 0,74%.

O dólar manteve-se em leve queda durante a maior parte da sessão. Para José Roberto Carreira, gerente de câmbio da corretora Novação, o mercado esteve "um pouco travado" pela cautela dos investidores antes do final de semana, quando preferem reduzir posições para diminuir a exposição ao risco. Durante a manhã, a recuperação das bolsas de valores abriu caminho para a queda do dólar. Na véspera, as perdas generalizadas nos mercados acionários provocaram a alta do dólar, apesar da melhora do rating do Brasil pela agência Fitch.

O BC repetiu a rotina dos últimos dois dias e realizou somente um leilão de compra de dólares no mercado à vista perto do fechamento. Na operação, que não chegou a influenciar a cotação do dólar, a autoridade monetária definiu corte a R$ 2,0195 e aceitou, segundo operadores, pelo menos 8 propostas.

Foi a terceira sessão seguida sem leilões de swap cambial reverso, instrumento que ajuda a sustentar a cotação do dólar. Desde o final de abril, o BC já vendeu o equivalente a cerca de US$ 7 bilhões em contratos.

Segundo o gerente de câmbio de um banco nacional, que pediu para não ser identificado, o mercado trabalha com a expectativa de uma ação forte do BC, o que ajuda a sustentar a cotação do dólar mesmo em dias de menor atuação.

"O BC tem comprado muitos lotes (nos últimos dias). Ninguém vai ficar vendendo a torto e a direito de uma forma muito forte. Só se vier muito fluxo", afirmou.
 
 
Dourados News

Deixe seu Comentário

Leia Também

MORTE A ESCLARECER
Exército investiga morte de sargento após teste de aptidão física
CASO DE POLÍCIA
Rapaz morre em pátio de motel
MINISTRA DO MS NO GOVERNO BOLSONARO
Ministra Tereza Cristina garante fortalecer cadeia do leite e agricultura familiar
PROBLEMAS MENTAIS
Casal é brutalmente agredido a enxadadas pelo filho
BARRADO
Filho do cantor Marciano diz ter sido impedido de ir no velório do pai
A COBRA VAI FUMAR - SEGURANÇA NO MS
MS fecha o cerco contra a violência na fronteira em mega operação
LUTO NA MÚSICA
Marcelo Yuka, fundador do Rappa morre aos 53 anos
ROTEIRO ESPECIAL PARA O RIO DE JANEIRO
Roteiro diferente para continuar conhecendo o Rio de Janeiro
DICA DE TURISMO E FÉRIAS
Dicas para curtir uma temporada em Arraial do Cabo
LUTO - ESPORTE
Morre Jackelyne da Silva, ginasta da seleção brasileira, aos 17 anos