Menu
LIMIT ACADEMIA
quinta, 16 de agosto de 2018
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Em dez anos 265 mil pessoas morreram vítimas de arma de fogo

9 Nov 2004 - 08h05
Mais de 90% das vítimas de tiros no Brasil são homens que tinham entre 15 e 29 anos. O risco de um rapaz ser assassinado é 20 vezes maior do que o de uma moça. Esse é o principal resultado de uma pesquisa feita pelo Núcleo de Violência da Universidade de São Paulo (USP) sobre o uso de armas de fogo no país.

De 91 a 2000, 265 mil pessoas tiveram morte violenta, provocada por arma de fogo - 82% delas foram assassinadas. A violência explodiu em Recife, Cuiabá, Rio de Janeiro, Vitória, Porto Velho e São Paulo. No fim da década de 90, as armas mataram mais do que os acidentes de trânsito.

A coordenadora da pesquisa, Maria Fernanda Tourinho Peres, defende uma estratégia para reverter essa tendência:

- É importante investir na melhoria das instituições policiais, na redução da impunidade, mas é importante também investir em redução de desigualdade, de desemprego, na promoção de políticas educacionais e políticas sociais em geral.

Luís Carlos dos Santos, que teve um irmão assassinado e vive em uma das regiões mais perigosas de São Paulo, criou um centro de atendimento a adolescentes e parentes de vítimas de violência. Ele alerta que o crime entra cada vez mais cedo na vida das pessoas:

- São crianças de 9 a 12 anos, que estão sendo vítimas da violência e já praticando a violência também.

Em São Paulo, o ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, defendeu a prorrogação da campanha do desarmamento como uma das formas de reduzir o crime. E reconheceu a gravidade da situação:

- Eu diria que estamos em uma luta, uma luta que nós não podemos perder. Uma luta que devemos ganhar. E qual é nossa vitória? Reduzir esses crimes a um nível razoável.
 
Globo Online

Deixe seu Comentário

Leia Também

TECNOLOGIA
Segunda via do RG pode ser solicitada pela internet
BOA AÇÃO
Empresário curado faz doação milionária para hospital público
VIOLENCIA
Homem desce do carro e mata mulher com tiro a queima roupa
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Laureta confessa que matou Remy; Karola foi cúmplice
PRESO EM 2010
Morre o homem apontado como maior contrabandista de cigarros do País
ELEIÇÕES 2018 - REGISTRO FEITO
AGORA: PT registra candidatura de Lula e tem até 17 de setembro para trocar candidato
BRIGA DE FAMILIA
Briga de irmãos termina com faca cravada na cabeça de jovem adolescente
NOVELA GLOBAL
Em 'Segundo sol', Zefa rompe com Severo: 'Você não merece nada de bom de mim!'
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Roberval é traficante de diamante
NOVELA DA RECORD
Herodíade diz que foi agarrada por Batista e Joana a chama de mentirosa.