Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
domingo, 16 de junho de 2019
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Em assentamentos de Sidrolândia, Zeca orienta como denunciar compra de

27 Jul 2010 - 18h00Por Fátima News

O candidato a governador de Mato Grosso do Sul, Zeca do PT, dedica esta terça-feira (27) a visitas a famílias de assentados no município de Sidrolândia. Zeca, a esposa e candidata a suplente de senador Gilda do PT, os candidatos a deputado estadual Pedro Teruel e Jean Nazareth (PT), Gerson Claro (PDT) e Geraldo Teixeira (PV) estão desde as 8h da manhã percorrendo as propriedades rurais do complexo de assentamentos de Sidrolândia. O município tem 24 projetos de reforma agrária implantados, onde vivem 4.700 famílias (cerca de 12 mil pessoas).

 

 

 

A tônica da fala de Zeca aos assentados foi a preocupação com a lisura das eleições. Ele lembrou os grampos descobertos em telefones de auxiliares e dos comitês, os arrombamentos de carros e a espionagem detectada nas caminhadas. Todo o esquema acabou sendo detalhado em carta anônima entregue na residência de Zeca, na semana passada, citando inclusive nomes dos envolvidos. Zeca entregou esses documentos e relatou o ocorrido à Polícia Federal e aguarda a apuração dos fatos.

 

 

 

“São indicativos de que teremos uma eleição tensa. O adversário já demonstrou em outras ocasiões que não mede conseqüências. Então precisamos redobrar a atenção, mais do que nunca fortalecer nossas convicções e, além disso, auxiliar a Justiça, a OAB, a Polícia Federal, a fazer o flagrante e desmascarar quem tente de qualquer forma ludibriar a vontade do eleitor”, disse Zeca.

 

 

 

O candidato frisou que é descomunal a diferença de poder econômico em favor do adversário. E teme a tentativa de compra de votos. “Antes de vender o voto, pense bem: vale a pena um dinheirinho que vai aliviar o bolso por 30 dias, ou é melhor garantir um futuro de dignidade, de bem estar, quatro anos de avanços e melhorias em todos os sentidos? Essa é a reflexão que devemos fazer.”

 

 

 

Zeca orientou os eleitores a denunciarem qualquer tentativa de compra de votos ou de fraude nas eleições pelos telefones disponibilizados tanto pela OAB (Ordem dos Advogados do Brasil, seccional de MS) quanto pelo TRE (Tribunal Regional Eleitoral). O número do telefone da OAB é 8121-5878 e do TRE, 3326-8073.

 

 

 

Asfalto

 

 

 

Uma das principais reivindicações dos assentados é a pavimentação da estrada do Capão Seco e a conclusão do asfalto ligando o distrito de Quebra-Coco a Dois Irmãos do Buriti. O asfalto, iniciado por Zeca, foi paralisado pelo atual governo pouco antes de chegar a Quebra-Coco. “Agora colocaram uma placa lá, mas quem vai concluir essa obra sou eu. O governo atual só coloca placas”.

 

 

 

A ligação é importante não apenas para os moradores da região, como para os habitantes de Dois Irmãos, Aquidauana, Miranda e Corumbá, pois encurta a distância entre o Oeste e o Sul do Estado.

 

 

 

Apoios

 

 

 

Por onde passou, Zeca ouviu manifestações de apoio e carinho da população. O assentado João Belarmino de Souza lembrou que durante o governo Zeca havia assistência aos assentamentos. Tudo acabou, garante. “Vamos dar a volta por cima com a vitória dele, foi Deus quem trouxe Zeca de novo.”

 

 

 

Na casa de Aparecido Falconieri e Vera Júlia Franco, Zeca e Gilda foram convidados a almoçar e depois descansaram um pouco, antes de retomar as visitas.

 

 

 

Maquiagem e voto

 

 

 

Às mulheres, Gilda alterou um ditado popular para adequá-lo ao momento especial da política brasileira: “Vamos fazer barba, cabelo, bigode e maquiagem”, em seguida pedia votos para Dilma presidente.

 

Zeca também aproveitou para orientar as pessoas de como votar nas eleições deste ano, quando seis cargos estão em disputa (presidente, governador, dois senadores, deputado federal e deputado estadual). O eleitor precisa apertar 25 teclas da urna eletrônica para digitar os números de todos os candidatos e confirmar os votos.

 

 

 

“Temos que ficar atento que a eleição deste ano é diferente. Vamos eleger seis candidatos. Primeiro vamos eleger o deputado estadual. Temos aqui o Teruel, o Gerson, o Geraldo e o Jean. Depois o deputado federal, o PT tem vários candidatos: o Vander, o Biffi, o João Grandão. Então vamos eleger os senadores, são dois, e nós temos a melhor chapa: Dagoberto Nogueira, do PDT, e Delcídio, do PT. Depois é o voto para governador, meu número é o 13, vocês lembram. Por fim, encerramos a votação elegendo Dilma presidente para continuar o trabalho do Lula.”

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ASSASSINATO
Marido da deputada é morto a tiros
MULHER DO PRESIDENTE
Esposa de Jair Bolsonaro cai na internet, fotos íntimas são exibidas e todos ficam sem acreditar
DOURADOS - MANIFESTAÇÕES
Dono da Havan manda 'recado' a manifestantes após protesto em frente a loja de Dourados
VENENOSA
Agricultor é picado por cobra jararaca
FORÇA DE VONTADE
Advogado que pedia emprego na rua é contratado e ganha pós-graduação
CASO DE POLÍCIA
Filho mata a mãe e rouba seu cartão para comprar cocaína
EQUIPARADO AO RACISMO
Agora Homofobia é crime, STF criminaliza
DOENÇA DO SÉCULO
Jovem de 19 anos com depressão comete suicídio e choca cidade
REVOLTANTE
Filho é preso por ficar com aposentadoria e manter pais idosos morando em situação de miséria
BARBÁRIE
Nus e amarrados, corpos de três jovens são encontrados mortos em matagal