Menu
SADER_FULL
segunda, 18 de março de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Educação de Jateí quer alunos conhecendo o Legislativo

10 Abr 2007 - 10h16

O secretário municipal de educação de Jateí, professor João Paulo Lacerda, por determinação do prefeito Eraldo Jorge Leite (PSDB), manteve conversa com o presidente do legislativo de Jateí, vereador Carlos Alberto Jorge Leite, na semana passada, com a finalidade de colocar em prática mais um projeto da pasta. O conteúdo da conversa, conforme disse o secretário, foi a possibilidade de os alunos dos anos finais do ensino fundamental da escola municipal rural, visitarem o poder legislativo do município e conhecerem o funcionamento do mesmo, além das atribuições e responsabilidades inerentes ao vereador.

 

A idéia partiu do próprio secretário que entendeu que os alunos em formação escolar devem saber o que é, como funciona a câmara, e qual o papel do vereador na sociedade. O presidente do legislativo aprovou a iniciativa e colocou-se a disposição para o desenvolvimento do projeto, que deverá ter a participação de todos os vereadores da atual legislatura, além de assessores do legislativo.

 

Pelo projeto, os alunos da escola rural “Jovelino Celestino dos Santos”, no assentamento, especificamente os matriculados nos anos finais do ensino fundamental, farão uma visita à câmara de vereadores, sendo recepcionados pelo presidente e demais vereadores. Na ocasião, conhecerão as dependências físicas do prédio e como funciona o poder. No mesmo dia, terão palestras proferidas pelos próprios vereadores sobre como se desenvolve uma sessão, e quais são os deveres, obrigações, atribuições, direitos e prerrogativas do vereador do município, com enfoque na relação entre os poderes legislativo e executivo.

 

Segundo João Paulo, é necessário que os alunos entendam desde cedo, quais são as verdadeiras atribuições do vereador, para que a partir do momento que começarem a exercer o poder de voto, possam escolher bem os membros da edilidade, cobrando trabalho. “Queremos formar cidadãos participativos da vida social”, disse Lacerda.

 

Na primeira fase do projeto, conforme disse o secretário, serão abrangidos somente os alunos dos anos finais do ensino fundamental da escola municipal rural, mas, que posteriormente, dependendo do desenrolar das atividades, o projeto será estendido aos demais alunos da unidade escolar e das escolas estaduais da sede e do distrito.

 

 A comunidade escolar das unidades municipais de ensino já desenvolve os projetos de educação ambiental e devem ter início ainda no próximo mês, o projeto de resgate da história nas escolas, tanto da rede municipal como estadual.

 

 

 

 

Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

RESGATADO
Cão abandonado em ilha estava sendo comido vivo por urubus
SEXTUPLOS
Americana dá à luz seis bebês em nove minutos
TRAGÉDIA EVITADA
Garoto de 11 anos leva faca na mochila para matar colega no ônibus escolar
ALERTA AOS PAIS
Menino de quatro anos corta os pulsos em Goioerê e pode ser influência da Momo
FAKE NEWS
Padre Fábio de Melo desmente texto atribuído a ele sobre o ataque em Suzano
ATROPELAMENTO
Idoso é derrubado de bicicleta e atropelado por veículo – Imagens Fortes
PENA MÁXIMA
Pai, madrasta e outros dois réus são condenados pela morte do menino Bernardo
DOCUMENTO UNICO
CPF substitui a partir de hoje diversos documentos
SEM FILA E SEM ESTRESSE
#SemEstresse: sofre com o mal de ficar horas nas filas lotéricas? Veja como se livrar delas
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Morre Avós e menino de quatro anos feridos em acidente