Menu
LIMIT ACADEMIA
sexta, 14 de dezembro de 2018
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Edinho dá a receita para o Palmeiras derrubar o Internacional

28 Set 2010 - 13h42Por Globo Esporte

Volante alviverde, que foi campeão mundial pelo time gaúcho, afirma que paulistas têm de ficar atentos aos primeiros 20 minutos da partida em Barueri

Edinho conhece bem os segredos do Internacional.

Até pouco tempo atrás, o volante, que nesta quarta-feira estará defendendo o Palmeiras contra os gaúchos, na Arena Barueri, era uma das principais peças do time Colorado.

Foi na equipe do Beira-Rio que o atleta ganhou notoriedade e seus principais títulos na carreira. E, por isso, ele conhece bem os pontos perigosos do seu agora adversário.

O Inter é muito forte nos primeiros 20 minutos de jogo. Teremos de ter atenção redobrada com isso. Eles também têm se saído bem dentro e fora de casa, são bons na bola aérea. Temos de trabalhar bem essas coisas nos treinos para conseguirmos a vitória - disse.

Edinho entre 2003 e 2008, quando se transferiu para o Lece, da Itália. No Colorado, o volante foi tricampeão do Gaúcho, além de ter conquistado importantes títulos internacionais, como a Recopa Sul-Americana (2007) a Libertadores e o Mundial de Clubes (2006).

Sempre que pode, ele procura manter contato com os amigos que deixou no clube, como na semana passada, quando esteve no hotel dos gaúchos, em São Paulo - o Inter jogou com o São Paulo, no Morumbi.

No jogo do primeiro turno, teve uma situação muito bacana. A torcida gritou meu nome, fui homenageado pelo clube no vestiário e fiquei bastante emocionado. Mas o Palmeiras é quem paga o meu salário e estou muito feliz aqui agora.(

Volante alviverde, que foi campeão mundial pelo time gaúcho, afirma que paulistas têm de ficar atentos aos primeiros 20 minutos da partida em Barueri

Edinho conhece bem os segredos do Internacional.

Até pouco tempo atrás, o volante, que nesta quarta-feira estará defendendo o Palmeiras contra os gaúchos, na Arena Barueri, era uma das principais peças do time Colorado.

Foi na equipe do Beira-Rio que o atleta ganhou notoriedade e seus principais títulos na carreira. E, por isso, ele conhece bem os pontos perigosos do seu agora adversário.

O Inter é muito forte nos primeiros 20 minutos de jogo. Teremos de ter atenção redobrada com isso. Eles também têm se saído bem dentro e fora de casa, são bons na bola aérea. Temos de trabalhar bem essas coisas nos treinos para conseguirmos a vitória - disse.

Edinho entre 2003 e 2008, quando se transferiu para o Lece, da Itália. No Colorado, o volante foi tricampeão do Gaúcho, além de ter conquistado importantes títulos internacionais, como a Recopa Sul-Americana (2007) a Libertadores e o Mundial de Clubes (2006).

Sempre que pode, ele procura manter contato com os amigos que deixou no clube, como na semana passada, quando esteve no hotel dos gaúchos, em São Paulo - o Inter jogou com o São Paulo, no Morumbi.

No jogo do primeiro turno, teve uma situação muito bacana. A torcida gritou meu nome, fui homenageado pelo clube no vestiário e fiquei bastante emocionado. Mas o Palmeiras é quem paga o meu salário e estou muito feliz aqui agora.

Deixe seu Comentário

Leia Também

STARTUPS NO BRASIL JÁ É SUCESSO
O sucesso das startups no Brasil e algumas novas apostas no mercado
REVOLTANTE
Filha de João de Deus diz que foi abusada dos 10 aos 14 anos: 'Meu pai é um monstro'
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Robério beija Marcos Paulo e a agride ao descobrir que ela é trans
DESTAQUE MUNDIAL
Dois brasileiros estão no Top 50: melhores professores do mundo
JUSTIÇA - WHATSAPP
Administradora de grupo no WhatsApp, foi “condenada” á pagar 3 mil por discussão de membros
DICAS DE SERVIÇO DE HOSPEDAGEM NA WEB
Vai criar um blog ou um site?, saiba aqui tudo sobre o serviço de hospedagem
ALERTA NA NET
Golpe no WhatsApp engana usuários ao prometer brindes falsos de Natal
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Luz passa mal ao abraçar e beijar a mãe pela primeira vez
FURACÃO
Atlético-PR ganha nos penaltis e é campeão da Sul-Americana
PROVAS ROBUSTAS
PF apreende R$ 2 milhões em busca em endereços de Aécio e aliados de Temer