Menu
LIMIT ACADEMIA
quarta, 19 de junho de 2019
SADER_FULL
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

DRT ainda avalia situação de prédio onde três morreram

19 Jul 2004 - 16h55
A DRT/MS (Delegacia Regional do Trabalho) está avaliando se vai embargar a construção do edifício Renoir, em Campo Grande, onde três operário morreram na sexta-feira passada, após caírem do 14º andar.
Segundo o delegado-adjunto da DRT, Fábio Garcia de Moraes Lemos, uma equipe de fiscalização esteve no prédio, completando trabalho iniciado na última semana, e ainda não apresentou conclusões. Lemos afirmou que a construtora responsável pela obra já havia sido notificada e estava dentro do prazo de ajustes. “Por enquanto, a auditora está fiscalizando. Ela não deve sugerir nada, ainda”, afirmou.
Aparecido Donizete dos Santos, Genório Brito, e Dauri Vieira, caíram de andaime que se desprendeu da base de construção no edifício Renoir. Além deles, mais um operário, que não foi identificado, ficou pendurado no andaime.
A assessoria de imprensa da Plaenge ainda espera o laudo da perícia técnica para se pronunciar. Conforme a assessoria, os operários mortes eram contratados pela prestadora de serviços MC Engenharia, que não foi encontrada para comentar o caso.
 
 
 
Campo Grande News

Deixe seu Comentário

Leia Também

ATAQUE CANINO
Criança de dois anos é morta no quintal de casa por cachorro rottweiler
INFANTICIDIO
Padrasto teria sentado em cima da cabeça de bebê que morreu,foi espancado na cadeia
SOB INVESTIGAÇÃO
Jornalista do site Lei Seca Maricá foi assassinado com 3 tiros
VIDA SEDENTARIA
OMS alerta: Criança menor de 3 anos não deve ficar nem um minuto em tablet ou celular
HOMICIDIO X SUICIDIO
Pai que matou o filho de 4 anos e se matou não se conformava com namoro da ex-mulher
DOENÇA DO SÉCULO
Jovem de 19 anos, com depressão comete suicídio e comove amigos
ASSASSINATO CRUEL
O massacre do menino Rhuan e o silêncio da grande mídia
FAMOSIDADES
Homem discute com mulher e mata bebê de quatro meses
SOLIDARIEDADE
Bebê nasce sem os olhos e mobiliza cidade do Paraná
TRAGÉDIA NA FAMILIA
Pai mata filho de quatro anos e se mata por não aceitar fim do relacionamento