Menu
LIMIT ACADEMIA
quinta, 13 de dezembro de 2018
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Dourados conta com 192 candidatos a vereador

2 Jul 2004 - 13h08
Para cada uma das 12 vagas a serem ocupadas na Câmara de Dourados para o mandato que começa em 1º de janeiro do ano que vem e termina no dia 31 de dezembro de 2008, serão 16 candidatos. No total, as oito coligações, formadas por 21 partidos, para a eleição proporcional lançaram 192 nomes, cerca de 20 por cento nomes a menos do que a eleição de 2000. Naquele ano, quando disputaram as 17 cadeiras da Câmara cerca de 240 candidatos, a concorrência foi de 14,1 candidatos por vaga.

As coligações que apóiam a reeleição do prefeito Laerte Tetila (PT) lançaram o maior número de candidatos: 96. As coligações formadas em torno da candidatura de Bela Barros (PDT) somam 72 candidatos a vereador, enquanto que os três partidos da coligação do candidato José Roberto (Prona) lançam 24 postulantes. Dos atuais 17 vereadores, apenas Akira Oshiro (PPS) não tentará a reeleição e, claro, Bela Barros, que tenta chegar à prefeitura. Os partidos têm prazo até segunda-feira para registrar as candidaturas junto à Justiça Eleitoral.

 
 
Dourados News

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Aranha descobre marca de pata de gato de Gabriel, tira foto e conta aos guardiã
SUSTO
Celular pega fogo no bolso da calça e deixa homem com queimaduras na perna e mãos
PROCURADO
Com prisão decretada desde setembro, Dado Dolabella é considerado foragido da Justiça
DICAS DE MARKETING
5 dicas de marketing para um negócio de dropshipping
CRIME HEDIONDO
Câmera flagra ataque de suspeito de estuprar garota de 14 anos em SP; vídeo
TERROR
Ataque dentro da Catedral deixa ao menos cinco mortos em Campinas
REVIDE
Passageiro atropelado por motorista de aplicativo após vomitar em carro está em coma
A SERVIÇO DE DEUS
Angela Bismarchi festeja diploma para ser pastora: ‘Eu era pecadora e não sabia’
NOVELA GLOBAL
'O sétimo guardião': Luz dá caixa com terra de cova de Gabriel para Valentina
INTOCÁVEL
PF pediu prisão domiciliar de Aécio, Cristiane Brasil e Paulinho da Força, mas PGR e STF não concede