Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 26 de agosto de 2019
LIMIT ACADEMIA
Busca
AGÊNCIA BONITO THIAGO
Brasil

Dólar à vista abre em alta de 0,29%, cotado a R$ 3,05

23 Jul 2004 - 09h10

O dólar à vista abriu hoje em alta de 0,29%, cotado a R$ 3,048 na compra e R$ 3,050 na venda. Na BM&F (Bolsa de Mercadorias & Futuros), o dólar com vencimento em agosto está em R$ 3,059, com alta de 0,32%. O mercado financeiro chega ao fim desta semana em clima de cautela e correção do entusiasmo da semana anterior.

As adversidades do cenário internacional e alguns ruídos no cenário interno se sobrepuseram aos dados positivos que confirmaram a retomada do aquecimento econômico brasileiro. Temor de novas altas de juros nos Estados Unidos e o aumento dos preços do petróleo estão entre os principais motivos do mau humor dos últimos dias.

Internamente, o episódio envolvendo a Brasil Telecom provoca algum ruído no cenário político e afeta as ações da empresa. Os títulos da dívida externa brasileira se recuperam das perdas e operam em alta nesta manhã. O C-Bond avança 0,19%, cotado a 94% do seu valor de face. O risco-país cai 1,15%, aos 598 pontos-base.


Globo On Line

Deixe seu Comentário

Leia Também

FÁTIMA DO SUL - NOVIDADES NO BOTICÁRIO
Make B. lança novos tons do seu queridinho iluminador, confira no O Boticário em Fátima do Sul
NAS REDES SOCIAIS
Luciana Gimenez é pega com parte íntima totalmente de fora em restaurante, foto viraliza
LUTO NA TV
Atriz e escritora Fernanda Young morre aos 49 anos
A CASA CAIU
Homem pede divórcio ao descobrir que não é pai de nenhum dos nove filhos
ESTADO GRAVE
Homem ateia fogo em mulher e filha de 4 anos 80% do corpo queimado
SURPRESA E FÉ
Homem que morava em uma barraca ganha casa reformada
JUSTIÇA PROPRIAS MÃOS
Suspeito de ter estuprado criança é assassinado por lideranças de bairro
ASSISTA A REPORTAGEM
Família da modelo Mylena Mendes, que morreu em acidente faz protesto no Fórum
NOVELA GLOBAL
Régis confessa que forjou DNA de Arthur em 'A dona do pedaço'
FOGO NA AMAZONIA
Macron diz que Bolsonaro mentiu, e Europa ameaça retaliar Brasil