Menu
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
segunda, 18 de fevereiro de 2019
SADER_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Dilma diz que, se eleita, gostaria de poder "consultar" Lula

17 Set 2010 - 05h49Por Terra

A candidata do PT à presidência, Dilma Rousseff, disse nesta quinta-feira (16), durante visita à Associação Comercial do Rio de Janeiro, que espera ter a sorte de poder "consultar" o presidente Lula, se for eleita. Perguntada se poderia ter o presidente Luiz Inácio Lula da Silva com um consultor em um enventual governo seu, a petista afirmou que Lula tem hoje prestígio internacional, não sendo o tipo de pessoa que se tem como mero consultor.

"Mas se está me perguntando se eu consultaria o presidente Lula? Espero ser uma das pessoas a ter essa sorte porque sou parceira do presidente, com quem trabalhei durante todos esses anos, das oito da manhã às onze da noite".

Dilma afirmou que a ex-ministra da Casa Civil, Erenice Guerra, tomou a atitude correta em se afastar do cargo em meio as investigações contra seu filho, Israel Guerra.

"Considero que Erenice tomou a atitude mais correta porque quando a pessoa ocupa um cargo é sempre melhor se afastar para que a investigação ocorra da melhor forma possível", disse.

Dilma, que era ministra da Casa Civil e tinha Erenice como braço direito na época em que teriam ocorrido os supostos casos de lobby envolvendo empresas privadas, afirmou que só soube do caso através da imprensa

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIOLENCIA DOMESTICA
'Não consigo reconhecê-la', diz irmão de mulher espancada no 1° encontro
O REI ROBERTO CARLOS
Roberto Carlos vestiu rosa e se mostrou contrário a projeto de Jair Bolsonaro
BRIGA NO PLANALTO
Magoado e traído, Bebianno não vai poupar filho de Bolsonaro
TRÁGICO
Mãe do piloto de Ricardo Boechat morre três dias após o filho
OUTROS 10 ESTADOS
Horário de verão termina à meia-noite; relógios devem ser atrasados em 1h
BARBÁRIE
Rosane Santiago Silveira, torturada e morta em sua própria casa
CARRO DE APLICATIVO
Mulher é estuprada após aceitar água e bala em carro de app
VIOLENCIA DOMESTICA
Enquanto Lírio Parisotto era condenado, Luiza Brunet discutia campanha contra violência doméstica
CANALHA
Criança de 4 anos é estuprada no próprio aniversário
HORARIO DE VERÃO
Atrase seu relógio! Horário de verão termina neste sábado(16)