Menu
LIMIT ACADEMIA
quarta, 21 de agosto de 2019
SADER_FULL
Busca
ÁGUAS DE BONITO
Brasil

Detectado foco de febre aftosa no Estado do Amazonas

10 Set 2004 - 17h53
 

O Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) informou hoje a ocorrência de um foco de febre aftosa no município de Careiro da Várzea, na região leste do Estado do Amazonas, próximo à cidade de Manaus. O diagnóstico, realizado pelo Laboratório de Apoio Animal do Mapa, em Belém (PA), confirmou a presença dos sinais clínicos da doença em quatro bovinos com idade entre 12 e 24 meses.

A suspeita foi comunicada pelos proprietários da fazenda, localizada numa ilha do rio Amazonas, no último dia 25 de agosto. A fazenda, que tem um rebanho de 34 bovinos, 15 ovinos e um suíno, não tinha registro de vacinação contra a febre aftosa nos anos de 2003 e 2004, tendo sido interditada. Amostras das propriedades vizinhas também foram coletadas e estão sendo analisadas pelo laboratório oficial.

A região pertence ao Circuito Pecuário Norte, onde o sistema de defesa sanitária animal está em fase de implantação, e tem classificação de alto risco para a doença. Toda a produção bovina destina-se ao consumo local. O Mapa esclareceu que, em razão da localização geográfica da propriedade, o foco representa baixo risco de difusão para as áreas reconhecidas como livres da doença no país.

O rebanho infectado está a 500 quilômetros da atual zona livre de aftosa com reconhecimento internacional e a 350 quilômetros da área livre do estado do Pará com reconhecimento nacional. Como barreiras naturais para a difusão da doença na região, destaca-se a floresta amazônica, rios, lagos e a ausência de estradas de acesso.

O Mapa já enviou comunicação da ocorrência da doença a OIE (Organização Mundial de Saúde Animal), ao Panaftosa (Centro Pan-Americano de Febre Aftosa), aos países vizinhos e aos países e blocos econômicos com os quais o Brasil mantém intercâmbio comercial. Equipes de especialistas da Delegacia Federal do Ministério da Agricultura no Amazonas, em conjunto com o Serviço Estadual de Sanidade Animal do Amazonas, estão adotando todas as providências necessárias ao esclarecimento do ocorrido, ao controle e erradicação do foco.

Serão implantados postos de fiscalização para impedir o trânsito de animais suscetíveis à doença, inspeção clínica em todas as propriedades próximas, vigilância sanitária e a devida investigação epidemiológica para definir a origem da doença, ainda indeterminada.

 

 

Mídia Max News

Deixe seu Comentário

Leia Também

FATALIDADE
Menina de 7 anos é atacada por pitbull e morre na casa dos avós
CRIMINOSO FORAGIDO
Ataque com machadinha deixa alunos e professora feridos em escola
POLEMICA II
Após polêmica, deputado diz que não existe PL de poliamor ou casamento entre mães e filhos
CONFISSÃO
Filhos investigam e descobrem que pai matou a mãe há 37 anos
MAL SUBITO
Policial militar tem mal súbito e morre no mesmo dia que descobriu que seria pai
NOVELA GLOBAL
Régis oferece vender loja para dar dinheiro a Maria da Paz em 'A dona do pedaço'
POLÊMICA
Vale Tudo: projeto libera casamento entre mães e filhos e revolta MS
100 VERBAS
Emissão de CPF e restituição do IR podem ser suspensas pela Receita
100 PENA
'Não tem que ter pena', diz Jair Bolsonaro sobre uso de atirador de elite após sequestro de ônibus
ACIDENTE TRÁGICO
Morte de três profissionais em acidente comove a cidade