Menu
SADER_FULL
sábado, 23 de fevereiro de 2019
FARMÁCIA_CENTROFARMA_FULL
Busca
CANTINA BAH
Brasil

Desembargador federal é preso em Operação da PF

13 Abr 2007 - 09h54
O desembargador José Eduardo Carreira Alvim, preso hoje na "Operação Furacão" da Polícia Federla, já atuou como professor em diversas instituições de ensino do Direito e como diretor-geral da Escola de Magistratura Federal - Emarf.

Ele é bacharel em Direito pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Como jurista, Carreira Alvim integrou a Comissão de Reforma do Código de Processo Civil. Ele é Coordenador do Curso de Mestrado em Direito da Universidade Iguaçu - UNIG e Professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro, sendo também o coordenador acadêmico do Instituto de Pesquisa e Estudos Jurídicos - IPEJ-RJ. O desembargador é membro permanente do Instituto Brasileiro de Direito Processual - IBDP

É autor de diversos livros, como "Comentário à Lei dos Juizados Especiais Federais", lançado em parceria com sua filha Luciana Gontijo Carreira Alvim.

Durante o processo eleitoral novos dirigentes do Tribunal Federal Regional da 2.ª região, do qual é vice-presidente, Alvim - com 14 anos de tribunal - bateu boca com concorrentes na eleição. Ele disse ter sido vítima de escuta ambiental e grampos telefônicos.

Em junho de 2006, o desembargador determinou a liberação de 900 máquinas caça-níqueis recolhidas de casas de bingos em Niterói. Um pedido de liminar para o mesmo caso já tinha sido negado pelo relator, desembargador Sérgio Feltrin. Mas a decisão de Alvim acabou suspensa pelo presidente do Tribunal, Frederico Gueiros.

Esta é a primeira vez na História do Brasil em que, não por um crime comum, mas sim por acusação de envolvimento com o crime organizado, é preso um desembargador federal.

 

 

Terra

Deixe seu Comentário

Leia Também

PEDOFILIA
Babá de 15 anos recebia dinheiro para ter relações com patrão
PREOCUPANTE
Mineradora declara situação de emergência em barragem de Araxá
INTOLERANCIA RELIGIOSA
Delegado solicita ida à casa do 'BBB 19' para interrogar Paula, investigada por intolerância
RESUMO DAS NOVELAS
Mercedes convoca Murilo para uma conversa
CORTE CEGO
Megaoperação da PM em 18 bairros tem três mortos e cinco feridos
PERSISTÊNCIA
Ex-faxineiro se forma em Jornalismo e já está empregado
O QUE IMPORTA PARA VOCÊ?
Equipe médica leva paciente de UTI à formatura do filho
INDIGNAÇÃO
Pedreiro desafia Rodrigo Maia: 'Trabalhe 30 dias numa obra, que trabalho até os 80'
AMOR INCONDICIONAL
Cadela espera toda noite pela chegada de Boechat, diz mulher do jornalista
VIOLENCIA DOMESTICA
Reconstrução de rosto de mulher espancada na Barra vai durar seis meses, diz médico