Menu
LIMIT ACADEMIA
quarta, 19 de setembro de 2018
SADER_FULL
Busca
ITALÍNEA
Brasil

Deputados se xingam de "corrupto" e "moleque"

1 Dez 2004 - 16h12
Câmara aprovou a medida provisória que dá status de ministro ao presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, por 253 votos a favor, 145 contra e 4 abstenções. Durante as discussões um embate entre o deputado federal João Batista Babá (sem partido-PA) e o deputado Ricardo Fiúza (PP-PE) acabou marcando a sessão.

O deputado Babá foi à tribuna e fez acusações ao relator da MP, deputado Ricardo Fiúza, chamando-o de corrupto. "O deputado Ricardo Fiúza foi escolhido a dedo. Quase esteve envolvido no escândalo da CPI do Orçamento, defendeu o presidente Collor contra o impeachment aqui na Câmara", disse Babá.

Fiúza reagiu: "Moleque, vagabundo, não brinque comigo, nunca lhe ofendi nem lhe dei liberdades." Mas o deputado Babá continuou disparando: "Corrupto, é da tropa de choque do Collor."
 
Terra Redação

Deixe seu Comentário

Leia Também

ALCOOLISMO
Menino de 9 anos é expulso de casa pela mãe alcoólatra por se recusar a roubar, no DF
LATROCINIO
Tentativa de assalto termina com pai morto e filho baleado
MENOR INFRATOR
Cobradora é apedrejada em assalto e adolescente é detido pela 4ª vez
FAMOSIDADES
Justiça condena Deborah Secco por desvio de dinheiro público
NOVELA GLOBAL
'Segundo sol': Severo vai morar com mendigos e vira vizinho de Agenor
CLUELDADE
Por mãe estar sem o celular, ladrão dá facada em bebê de 3 meses
ECONOMIA
Mercado financeiro já trabalha para traçar cenários sem Bolsonaro
PROCURA-SE
Adolescente desaparece e família recebe ligação misteriosa
TRAGÉDIA
Jovens irmãos morrem em grave acidente; caminhonete chegou a se partir ao meio
FAMOSIDADES
Justiça decreta prisão de Dado Dolabella por insulto à ex mulher